sicnot

Perfil

Mundo

Descobertas estrelas antigas que sobrevivem no centro da Via Láctea

Núcleo da Via Láctea

ESO/VVV Survey/D. Minniti

Uma equipa internacional de cientistas descobriu no centro da Via Láctea a presença de estrelas antigas do tipo RR Lyrae, o que apoia a teoria de que o bulbo galáctico cresceu através da fusão de aglomerados de estrelas primordiais.

"Essas estrelas podem até ser os restos do aglomerado estelar mais antigo e maciço de toda a Via Láctea, um autêntico sobrevivente", divulgou num comunicado o Observatório Europeu do Sul (ESO na sigla em inglês), com sede em Garching, no sul da Alemanha.

As RR Lyrae são estrelas variáveis com uma luminosidade que oscila regularmente e que se encontram em populações estelares com mais de 10.000 milhões de anos.

A equipa dirigida por Dante Minniti, da Universidade Andrés Bello de Santiago do Chile, e Rodrigo Contreras, da Pontifícia Universidade Católica do Chile, encontrou as RR Lyrae graças ao telescópio de rastreio que trabalha nos comprimentos de onda do infravermelho VISTA (Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy).

Observando através da luz infravermelha, a equipa pode obter a visão mais clara conseguida até hoje daquela região e encontrar uma dúzia de velhas estrelas RR Lyrae no coração da Via Láctea que não eram conhecidas antes.

"Esta descoberta (...) tem importantes consequências na formação de núcleos galácticos", assinalou Contreras.

Lusa

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.