sicnot

Perfil

Mundo

"Mulher Maravilha" embaixadora da ONU para a autodeterminação feminina

Warner Pictures

A "Mulher Maravilha", a personagem popular da DC Comics, será a partir deste mês embaixadora honorária das Nações Unidas para a autodeterminação de mulheres e meninas, anunciou esta quarta-feira a organização.

A heroína das séries de televisão e banda desenhada vai ser oficialmente designada como embaixadora honorária das Nações Unidas para a autodeterminação de mulheres e meninas, durante uma cerimónia em que participará o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, no dia 21 de outubro.

Na ocasião, será lançada uma cerimónia de um ano sobre igualdade de género e empoderamento das mulheres, um dos novos objetivos globais das Nações Unidas para os próximos 15 anos.

"Wonder Woman", no original em inglês, é uma das histórias mais populares da DC Comics e chegará ao grande ecrã, com a atriz israelita Gal Gadot como protagonista, num filme com o mesmo título, esperado para junho de 2017.

Lusa

  • Celebrar o Dia Internacional da Rapariga
    1:06

    Mundo

    O Dia Internacional da Rapariga assinala-se esta terça-feira. Uma ocasião para alertar para casos de risco em todo o mundo. Neste dia, também estreou um documentário de uma história inspiradora, passada na Índia.

  • Souto de Moura feliz com distinção na Bienal de Arquitetura de Veneza
    1:10
  • Há mesmo um carro voador pousado no meio de Paris

    Dito assim, exageramos a importância da coisa, porque de facto estamos a falar de um protótipo que, inteiro, nunca voou. Dito assim, diminui a importância de termos ali mesmo à nossa frente um seríssimo protótipo de carro voador feito em colaboração pela Italdesign e pela Airbus a grande companhia construtora de aviões na Europa, desde o ano passado também com a colaboração da Audi. Faltava aqui um grande construtor de automóveis capaz de acrescentar o seu conhecimento.

    Lourenço Medeiros