sicnot

Perfil

Mundo

Reino Unido quer saber país de origem dos alunos nas escolas

© Suzanne Plunkett / Reuters

O Ministério da Educação britânico quer passar a saber qual é o país de origem dos alunos. De acordo com o Governo, a informação servirá para dar melhor apoio aos estudantes, mas de acordo com o Diarío de Notícias, as famílias temem que os dados sejam usados pelos serviços de imigração.


O censo escolar anual em Inglaterra existe há 16 anos mas esta nova questão está a levantar polémica. Com o aumento dos crimes de ódio, por causa do Brexit, as famílias estão a ser aconselhadas por várias organizações a boicotar os censos.


Um movimento de boicote à medida criado entretanto diz que as crianças já sentem que não é bom serem migrantes e que tal só vai servir para que se sintam mais divididos e discriminados.

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.