sicnot

Perfil

Mundo

Canadá recomenda evitar viagens para a Venezuela

O Ministério dos Negócios Estrangeiros do Canadá emitiu esta quinta-feira uma alerta recomendando aos cidadãos canadianos que evitem viajar para a Venezuela devido à criminalidade violenta e à instabilidade política e económica no país.

© Blair Gable / Reuters

No alerta, são desaconselhadas "as viagens não essenciais para a Venezuela, devido ao nível significativo de crimes violentos, à situação política e económica instáveis e ao declínio das condições básicas de vida, incluindo a escassez de medicamentos, produtos alimentares e água, no país", lê-se na página do ministério canadiano na Internet.

O alerta sublinha ainda que "desde 15 de janeiro de 2016 que está em vigor (na Venezuela) um estado nacional de exceção (emergência)".

Por outro lado recomenda aos canadianos que tenham precauções especiais pelo vírus Zika, que "as mulheres grávidas e quem estiver a considerar engravidar deve evitar viajar para a Venezuela".

O Canadá adverte que, apesar do alerta, quem decidir viajar deve "planificar cuidadosamente a viajem antes da chegada" e procurar ajuda de empresas de turismo respeitáveis, de familiares ou amigos que "compreendam bem a situação atual", mantendo-se em hospedagem "com boa segurança".

"A Venezuela tem uma das maiores taxas de homicídio do mundo. Os assassínios e outros crimes violentos, incluindo assaltos à mão armada, invasão de domicílio, roubo de carro e sequestro com finalidade de pedir resgate, estão presentes em todo o país", afirma.

Segundo o alerta, "a violência contra moradores e visitantes" pode ocorrer "em qualquer lugar, a qualquer momento", inclusive em áreas populares entre os turistas, devendo os cidadãos manterem a calma e não oporem resistência em caso de ameaças.

O alerta chama ainda a atenção para o bloqueio de estradas, roubos a autocarros e viaturas cujos motoristas param para verificar danos ocasionados por pedras atiradas intencionalmente, recomendando ter sempre com as portas e janelas fechadas.

Lusa

  • Família Aveiro na inauguração do Aeroporto Cristiano Ronaldo
    2:34

    País

    A decisão de dar o nome de Cristiano Ronaldo ao aeroporto da Madeira divide opiniões. Contudo, na cerimónia de inauguração desta quarta-feira só se ouviram aplausos. Os madeirenses juntaram-se à porta do aeroporto para ver e receber o melhor jogador do mundo. Também a família do jogador esteve na Madeira para apoiar Ronaldo.

  • A (polémica) mudança de nome do aeroporto da Madeira
    2:00

    País

    O aeroporto da Madeira é desde esta quarta-feira aeroporto Cristiano Ronaldo. O Presidente da República e o primeiro-ministro estiveram juntos na homenagem ao futebolista. A alteração não é consensual entre os madeirenses.

  • O busto de Ronaldo que virou piada no mundo inteiro
    2:04

    País

    No dia em que foi formalizado o novo nome do aeroporto da Madeira, foi também conhecido o busto em bronze de Cristiano Ronaldo e que, desde logo, começou a provocar reações em todo o mundo. As críticas da imprensa internacional não são propriamente positivas e a internet aproveitou para dar contornos humorísticos à criação.

  • A história de um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo
    5:52

    Desporto

    Um dos maiores fãs de Cristiano Ronaldo não perdeu a oportunidade de se deslocar à Madeira, para conhecer o ídolo e o local onde Cristiano nasceu e cresceu. Lucas Mendes é brasileiro, tem apenas 23 anos e criou a página de fãs de Ronaldo mais seguida no Brasil.

  • Os seus descontos para a Segurança Social estão em ordem?
    7:50
    Contas Poupança

    Contas Poupança

    4ª FEIRA JORNAL DA NOITE

    Os portugueses estão cada vez mais preocupados com a reforma. O valor que se vai receber depende dos descontos que se fizerem para a Segurança Social. Mas há contabilistas que cometem burlas com o dinheiro dos clientes, há esquecimentos, e empresas que deixam de pagar as contribuições por falta de verbas. O Contas Poupança explica-lhe como pode ver neste instante se todos os seus descontos estão nos cofres da Segurança Social, e corrigir algum erro antes que seja tarde demais.

  • "Não há razão para fingirmos que hoje é um dia feliz"
    1:55

    Brexit

    Depois de receber esta quarta-feira a notificação do Brexit, o presidente do Conselho Europeu antecipou negociações difíceis. Donald Tusk diz que agora é preciso minimizar os prejuízos para os cidadãos europeus e para as empresas.

  • "Não há recuo possível"
    2:30

    Brexit

    O processo de saída do Reino Unido da União Europeia começou esta quarta-feira, com a ativação do artigo 50.º do Tratado de Lisboa. A notificação de Theresa May foi feita por carta a Donald Tusk e a primeira-ministra disse que não recuo possível. O processo de negociações levará dois anos e a saída do Reino Unido da União Europeia ficará concluída em 2019.