sicnot

Perfil

Mundo

Conselho de Segurança da ONU prolonga missão no Haiti por mais seis meses

© Andres Martinez Casares / Reu

O Conselho de Segurança da ONU prolongou esta quinta-feira por seis meses a missão das Nações Unidas no Haiti.

Os 15 membros do Conselho de Segurança aceitaram a proposta do secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, para que a operação se mantenha até ao próximo mês de abril, sem quaisquer alterações.

A missão vai continuar com 2.370 efetivos militares e 2.601 polícias, enquanto a ONU estuda, durante os próximos seis meses, o fim daquela missão.

A decisão ocorre depois de o Haiti começar a recuperar do furacão Matthew, que provocou centenas de mortos e graves danos nas infraestruturas do país.

Atualmente, a missão da ONU no Haiti garante a segurança aos comboios de ajuda, depois de terem ocorrido vários incidentes.

Segundo dados da ONU, mais de dois milhões de pessoas foram afetadas pelo furacão e 1,4 milhões precisam de ajuda humanitária.

Lusa

  • 81 deslocados em Mação devido ao fogo
    2:46
  • Alcongosta ficou sem água, luz e telecomunicações
    2:28

    País

    O incêndio na Serra da Gardunha está dominado, mas as aldeias que estiveram rodeadas pelo fogo ainda não regressaram à normalidade. Falta água, luz e telecomunicações no sopé de uma mancha enorme de terra queimada. O fogo destruiu ainda uma floresta na Serra da Gardunha e um antigo colégio.

  • Detida no Brasil portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos
    3:04
  • GNR resgata 45 sírios no mar Egeu
    2:28

    Crise Migratória na Europa

    A Guarda Nacional Republicana já resgatou quase 300 migrantes no mar Egeu, ao largo da Grécia, desde o início de maio. Esta quarta-feira de madrugada, os militares salvaram 45 sírios que tentavam chegar à Grécia numa embarcação de borracha.