sicnot

Perfil

Mundo

Minas mataram 12 pessoas em Angola no último semestre

O acionamento de minas provocou 12 mortos e nove feridos, nos últimos 06 meses, em três províncias de Angola, segundo números divulgados esta quinta-feira por operadores de desminagem.

Os dados foram apresentados durante um encontro da Comissão Nacional Intersectorial de Desminagem e Assistência Humanitária (CNIDAH) e os principais doadores da ação contra as minas em Angola.

Os incidentes causados pela detonação de minas antipessoal, antitanque e engenhos explosivos não detonados, foram registados nas províncias do Bié, Malange e Moxico.

Na província do Moxico foram registados em abril e junho dois acidentes com engenhos explosivos, com o resultado de dois mortos e sete feridos, enquanto, em agosto, a província de Malange notificou dois mortos e um ferido, pelo acionamento de uma mina antitanque.

No mês passado, na província do Bié, o acionamento de minas antitanque causaram a morte a oito pessoas e ferimento a uma outra.

Num dos casos, ocorrido a 01 de setembro, morreram sete pessoas da mesma família.

Angola, que prepara-se para submeter em março de 2017 o seu segundo pedido de extensão para concluir o seu trabalho de desminagem e ser considerado livre de minas, continua a ser um dos países mais afetados por minas junto com o Afeganistão e o Camboja.

O Governo angolano, que ratificou em 2002, a Convenção de Otava, solicitou em 2012 uma moratória de cinco anos para a continuação das suas operações de desminagem e segurança das zonas minadas e pretende uma nova extensão até 2025.

O país africano lusófono tem atualmente 1.858 áreas livres de minas e 1.435 por limpar, contando apenas com apoio financeiro dos Estados Unidos da América, Japão, Suíça e União Europeia.

No encontro de hoje, o presidente da CNIDAH, Santana André Pitra "Petroff", solicitou uma contribuição aos países doadores de 228.000 dólares (206.000 euros) para atualização das informações sobre as minas no país e 275 milhões de dólares (cerca de 250 milhões de euros) para o processo de desminagem, até 2025.

Lusa

  • Angola ainda tem de 1.283 áreas para desminar

    Mundo

    Angola desminou nos dois últimos anos 136 áreas do seu território, correspondente a 1,3 mil milhões de metros quadrados, mas tem ainda por limpar 1.283 áreas, incluindo estradas, quando escasseiam financiamentos para esse programa.

  • Os melhores do mundo pela FIFA da última década

    Desporto

    O português Cristiano Ronaldo e o argentino Lionel Messi têm repartido de forma igual os prémios de melhor jogador do mundo pela FIFA, na última década. Apesar destes dois nomes serem os mais falados, muitos outros jogadores foram nomeados para o prémio. Conheça a lista dos nomeados e dos vencedores desde 2007.

  • Tudo o que precisa saber sobre a moção de censura

    País

    O Governo minoritário do PS enfrenta na terça-feira a sua primeira moção de censura, a 29.ª em 43 anos de democracia, mas PCP, BE e PEV já anunciaram que vai "chumbar" a iniciativa do CDS-PP. Esta é a sétima moção de censura apresentada pelo CDS-PP e a 29.ª a ser discutida na Assembleia da República. Os três partidos de esquerda que têm apoiado o executivo, PCP, BE e PEV, já anunciaram que votam contra. Com os votos do PS, a moção é chumbada.

  • "Avançámos em primeiro lugar com incentivos às empresas"
    18:07

    Economia

    O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, esteve na Edição da Noite da SIC Notícias para falar do que pode ser feito depois da tragédia dos incêndios que assolou o país na última semana. O governante diz que já avançou com incentivos às empresas afetadas e que neste momento o mais importante é preservar a segurança das pessoas.

    Entrevista SIC Notícias

  • Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado debates com as bases do PSD
    0:40

    País

    Pedro Santana Lopes lamenta que Rui Rio tenha recusado a realização de debates com as bases do partido. Fernando Negrão, responsável pela candidatura de Santana Lopes à presidência do PSD, já tinha advertido em comunicado que a posição de Rui Rio poderia também inviabilizar quaisquer outros frente a frente, incluindo os organizados pela comunicação social. Santana Lopes está na Guarda, no primeiro jantar com apoiantes desde que anunciou a candidatura.

  • Gémeas correm risco de vida se não saírem de Gaza

    Mundo

    Duas irmãs gémeas siamesas correm risco de vida enquanto permanecerem em Gaza. Quem diz é o médico Alam Abu Hamba, do Hospital de Shifra, que garante que "situação complicada" das meninas não pode ser tratada por médicos no território costeiro, atulamente bloqueado pelo Egito e por Israel. Abu Hamba espera que o casal de gémeas possa ser transferido para fora da separação.

  • Encontrado corpo de menina posta de castigo na rua pelo pai

    Mundo

    Sherin Mathews estava desaparecida desde o dia 7 de outubro. Este domingo a polícia do estado norte-americano do Texas encontrou o corpo de uma criança que acreditam ser a menina de três anos, desaparecida depois de o pai a colocar de castigo na rua, durante a madrugada.

    SIC