sicnot

Perfil

Mundo

Morreu o rei da Tailândia

© Sukree Sukplang / Reuters

O rei da Tailândia, Bhumibol Adulyadej, morreu hoje aos 88 anos, anunciou o palácio real, num culminar de uma série de problemas de saúde que se arrastavam há quase um ano.

"Às 15:52 (9:52 em Lisboa), morreu pacificamente no hospital Siriraj", refere um comunicado.

"A equipa médica foi inexcedível, mas a sua condição deteriorou-se", acrescentou a nota do palácio real.

Todas as cadeias de televisão interromperam a emissão e transmitiram um anúncio especial, que começou com imagens a preto e branco do rei.

Um homem, de fato e camisa pretos, leu a a mesma declaração, divulgada minutos antes.

Bhumibol Adulyadej era o monarca há mais tempo no poder e venerado na Tailândia, onde é visto como uma figura unificadora no país marcado por rivalidades políticas.

O monarca estava internado no hospital Siriraj, em Banguecoque, no exterior do qual estavam concentradas há dias centenas de pessoas a rezar pela saúde do rei.

O herdeiro do trono da Tailândia é o príncipe Maha Vajiralongkorn, de 64 anos, que tem vivido grande do tempo no estrangeiro.

Lusa

  • 10 feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    A embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram já resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia.

    Em atualização

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.