sicnot

Perfil

Mundo

Neto encomenda pizza para saber se a avó estava bem após o furacão

Claire Olsen vive sozinha em Palm Cost, no estado norte-americano da Florida, uma das zonas mais afetadas pelo furacão Mathew, e esteve dois dias sem dar sinal de vida. Depois de várias tentativas frustradas dos familiares para falarem com a mulher, de 87 anos, a solução foi encomendar uma pizza de pepperoni.

O neto de Claire Olsen disse à ABC News que ficou muito preocupado depois de saber que a avó - que vive sozinha no estado norte-americano da Florida - tinha ficado sem eletricidade, como resultado da passagem do furacão. "Falei com ela na manhã de sexta-feira e disse-me que tinha acabado de ficar sem eletricidade. Depois disto, não soubemos nada dela durante dois dias."

Eric Olsen vive no Nebrasca, o seu pai na Dacota do Sul e a sua irmã em Los Angeles. Demasiado longe para conseguir ir até à Florida, a família contactou as autoridades locais para irem ver se a avó estava bem. Contudo, as chamadas não eram atendidas, deixando os familiares ainda mais preocupados.

A falta de notícias levou o neto de Claire a pensar nos sítios para que pudesse ligar. "Eu pensei: Quem é que pode ir a casa da minha avó neste momento? A quem é que eu posso ligar numa cidade onde não conheço ninguém", o neto perguntou-se.

A resposta tardou, mas apareceu. Eric telefonou à pizzaria local e encomendou uma pizza de pepperoni para a casa da avó, pedindo para lhe ligarem assim que fosse feita a entrega. O neto conseguiu falar com a avó, através do entregador de pizzas, percebendo que a mulher estava bem.

Ao ser abordada com uma pizza, Claire disse ao entregador que não tinha pedido nada. No entanto, após saber da chamada feita pelo neto, deixou o homem entrar.

Claire Olsen disse à estação televisiva norte-americana que se sentiu "aliviada" quando ouviu a voz do neto, afirmando ainda que foi a melhor pizza de pepperoni que alguma vez pôde receber. Já o neto declarou: "as autoridades não o fizeram, mas Papa John's chegou lá em 30 minutos e pôs o telemóvel na orelha da minha avó".

  • Furacão Matthew deixa rastro de destruição nos Estados Unidos
    2:25

    Mundo

    O furação Matthew já fez, pelo menos, quatro vítimas mortais nos Estados Unidos. A tempestade tem perdido intensidade, ainda assim destrói casas e árvores pela força do vento e das chuvas fortes. O estado de emergência foi declarado para os estados da Carolina do Norte, Florida, Georgia e Carolina do Sul.

  • "É uma experiência assustadora"
    4:54

    Mundo

    Maria Elizabeth Pereira está a viver na Florida e falou com a SIC sobre o furacão Matthew. A portuguesa diz que os ventos continuam fortes, mas que perto da sua casa a situação está estável. A portuguesa confessa no entanto tratar-se de uma "experiência assustadora" por não saber se a situação irá piorar.

  • Português na Florida afirma que ventos continuam fortes
    4:01

    Mundo

    Eddie Branquinho está a viver na Florida e falou com a SIC sobre o furacão Matthew, que já fez um morto no estado norte-americano. O português diz que os ventos continuam fortes, mas já abrandaram um "pouco". Eddie Branquinho relata que está a ouvir as árvores caírem sobre a sua casa. O português falou ainda sobre a maneira como os oficiais pedem às pessoas para se prepararem para este tipo de situações.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.