sicnot

Perfil

Mundo

Câmara oculta mostra animais mortos com choques elétricos em matadouro

Câmara oculta mostra animais mortos com choques elétricos em matadouro

Imagens captadas com câmaras ocultas, durante quatro dias de mês passado, mostram a forma como vacas, porcos, ovelhas e cabras são mortas num matadouro, na Tasmânia.

A denúncia de alegada crueldade foi feita pela Animal Liberation of New South Wales, uma das principais organizações de direitos animais na Austrália que, no entanto, diz desconhecer quem filmou dentro do matadouro.

Nas imagens vêm-se animais a serem agredidos com paus, baleados, várias vezes, com armas de fogo e abertos com facas quando ainda parecem estar vivos.

O proprietário do matadouro, que emprega apenas 3 pessoas, recusa as acusações de maus tratos dos animais.
As autoridades da ilha, que é também um estado australiano, já estão a investigar a denúncia.

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22