sicnot

Perfil

Mundo

Casa onde Hitler nasceu vai ser demolida

© Reuters

O governo austríaco anunciou que a casa onde Adolf Hitler nasceu vai ser demolida. No mesmo local, que atrai regularmente neonazis, será construído um novo edifício, acabando assim a batalha jurídica que durou anos.

"É necessária uma remodelação arquitetónica completa para impedir permanentemente o reconhecimento e o simbolismo do edifício", disse o ministro do Interior Wolfgang Sobotka. O novo edifício poderá ter uma utilização "caritativa ou administativa", acrescentou o ministro.

Apesar de ainda estar sujeita a aprovação no Parlamento, o ministro do Interior disse que a demolição foi recomendada por uma comissão nomeada pelo Governo. A data de apresentação do projeto de lei ainda não foi divulgada.

A grande casa de fachada amarela, onde Hitler nasceu a 20 de abril de 1889, está vazia desde 2011, data em que o governo se envolveu numa batalha judiciária com a atual proprietária, Gerlinde Pommer, uma habitante da cidade cuja família possui o imóvel há mais de um século.

  • PSD compara SNS a um "cenário de guerra", Centeno desdramatiza
    2:44

    Economia

    O ministro das Finanças esteve esta amanhã no Parlamento e voltou a não comprometer-se com aumentos salariais na função pública no próximo ano. Deu mesmo a entender que a medida não é prioritária. A discussão passou também pelo Serviço Nacional de Saúde. Centeno desdramatizou as carências mas o PSD comparou o que s passa a um cenário de guerra.

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • 14 sacerdotes suspensos por abusos sexuais no Chile

    Mundo

    A diocese da cidade chilena de Rancagua anunciou na terça-feira a suspensão de 14 sacerdotes implicados num novo escândalo de abusos sexuais sobre jovens e menores. Todos eles pertenciam a um grupo de se autointitulou de "La Familia", segundo a investigação jornalística.