sicnot

Perfil

Mundo

Jacarta oferece recompensas por cada ratazana apanhada na cidade

© Reuters Photographer / Reuter

Jacarta, uma das maiores metrópoles, mais povoadas e poluídas do mundo, está a braços com uma praga de ratazanas. Cada habitante pode contribuir para a desinfestação e ainda ganhar com isso.

Quem anda pelas ruas da capital indonésia tem grandes probabilidades de dar de caras com uma ratazana. Esta cidade com 10 milhões de habitantes tem numerosas ruas cobertas de detritos e muitos bairros de lata.

Foi depois de um indesejado encontro com um roedor que o governador adjunto de Jacarta se lembrou de lançar o "Movimento de erradicação das ratazanas", em que o município oferece 20 mil rupias por cada uma capturada (pouco menos de 1 euro).

"Há muitas ratazanas aqui, e grandes", disse Djarot Saiful Hidayat no lançamento do programa, sublinhando que as ratazanas são um perigo sanitário e fator de propagação de doenças.

"Por cada ratazana pagaremos 20 mil rupias", garantiu. Não explicou a melhor forma de apanhar estes bichos, mas pediu para que não fossem utilizadas armas de fogo.

"Se possível, não utilizem por favor as vossas armas de fogo", apelou no Jakarta Post, citado pela agência France Press. "Se falhar o alvo pode acertar em alguém".

  • Os números das eleições francesas
    0:50

    Eleições França 2017

    Os resultados definitivos mostram que Emmanuel Macron obteve 24% dos votos, na primeira volta das eleições francesas. Ficou quase três pontos à frente de Marine Le Pen, que conseguiu 21,3%. Os números oficiais, publicados pelo Ministério do Interior, dão ainda conta da taxa de abstenção: 22,2%, um ligeiro aumento face à primeira volta das presidenciais de 2012.

  • ASAE encerra em média um restaurante por dia
    1:33
  • Grupo de brasileiros em assalto milionário no Paraguai
    1:24