sicnot

Perfil

Mundo

Líderes da UE querem condenar fortemente a Rússia pelo ataques a Alepo

© Khalil Ashawi / Reuters

Os líderes europeus pretendem "condenar fortemente" a Federação Russa, quando se reunirem, na quinta-feira, pelos seus alegados ataques a civis na cidade síria de Alepo.

Um rascunho da sua declaração final, obtido pela AFP, omite a ameaça de sanções, apesar de tais apelos por parte dos EUA e do Reino Unido, mas intensifica o tom contra a Federação Russa.

"O Conselho Europeu condena fortemente os ataques pelo regime sírio e pelos seus aliados, designadamente a Rússia, a civis em Alepo", segundo o esboço consultado.

No texto também se avisa que "os responsáveis pelas violações da lei humanitária internacional e dos direitos humanos têm de se explicar".

O presidente da União Europeia, Donald Tusk, preveniu para a necessidade de manter a unidade europeia face à Federação Russa, quando se nota um enfraquecimento do apoio às sanções impostas a Moscovo devido ao seu envolvimento no conflito da Ucrânia.

Os líderes europeus devem discutir a estratégia para a Federação Russa ao jantar, durante a cimeira.

Lusa

  • "PCP não é força de suporte do Governo"
    2:11

    País

    Ao segundo dia de congresso comunista, ouviu-se o aviso mais forte, até agora, ao PS. João Oliveira, líder parlamentar do partido, diz que o PCP não se diluiu e que não é suporte do Governo. Já Jerónimo de Sousa deixou elogios à excelente geração de jovens que estão na frente política do PCP.

  • Passos elogia escolha de Paulo Macedo mas diz que não é suficiente
    1:47

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho diz que Paulo Macedo é competente para liderar os destinos da Caixa Geral de Depósitos, mas que a nomeação do antigo ministro não é suficiente para passar uma esponja sobre o assunto. Em Viseu, o líder do PSD não quis ainda avançar com um nome para a Câmara de Lisboa, depois de Santana Lopes afastar a hipótese de se candidatar.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.