sicnot

Perfil

Mundo

Trump nomeia multimilionário para conselheiro de assuntos de regulação

© / Reuters

O gestor financeiro e multibilionário Carl Icahn foi nomeado conselheiro especial para assuntos de regulação do presidente eleito norte-americano, Donald Trump, anunciou esta quarta-feira a sua equipa de transição,

Com 80 anos, Carl Icahn é um dos investidores mais temidos em Wall Street, e tornou-se célebre por exercer pressão sobre as empresas em que detém participações - AIG, Herbalife, Apple, Netflix - para aumentar a remuneração dos acionistas.

Carl Icahn será responsável por aconselhar o futuro presidente dos Estados Unidos sobre as formas de "se livrar dos regulamentos destrutivos de postos de trabalho que impedem o crescimento económico", adianta a equipa de transição em comunicado.

Com uma fortuna estimada em 16,5 mil milhões de dólares, Carl Icahn, licenciado em Filosofia, vem ampliar a longa lista de acionistas multimilionários nomeados por Donald Trump para formar sua equipa de governo.

Lusa

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.