sicnot

Perfil

Mundo

Pelo menos 40 mortos na República Democrática do Congo em protestos anti-Kabila

Pelo menos 40 pessoas foram mortas e 460 detidas na República Democrática do Congo esta semana, durante protestos contra a recusa do Presidente Joseph Kabila em abandonar o poder, segundo as Nações Unidas.

"Durante a semana, o gabinete conjunto das Nações Unidas para os Direitos do Homem na RDC (CCNUH) documentou pelo menos 40 mortes de civis em Kinshasa, Lubumbashi, Boma e Matadi, principalmente de pessoas protestando contra a recusa do Presidente Joseph Kabila em se demitir no final do mandato oficial, a 19 de dezembro", indicou a ONU em comunicado.

Lusa

  • António Costa evita perguntas sobre estágios não remunerados
    1:55
  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14