sicnot

Perfil

Mundo

Índia inicia construção de estátua mais alta do mundo

Mumbai, Índia

© Danish Siddiqui / Reuters

O primeiro ministro indiano Narendra Modi lançou este sábado a primeira pedra da que será a estatua mais alta do mundo, um projeto polémico que vai custar mais de 507 milhões de euros.

A estátua de Chhatrapati Shivaji, um governante hindu do século XVII, que combateu a dinastia muçulmana Mughal e criou o seu próprio reino, vai ser duas vezes maior do que a Estátua da Liberdade, em Nova Iorque, e cinco vezes maior do que a do Cristo Redentor, no Rio de Janeiro.

A estrutura, um projeto acarinhado pelo nacionalista Modi, vai erguer-se a 192 metros numa ilha situada ao largo da costa ocidental de Mumbai, no Mar da Arábia.

Quando for terminada, a estátua irá sobrepor-se à do Buda do Templo da Primavera, na província chinesa de Henan, atualmente a mais alta do mundo.

Ao terminar, ele irá torre sobre a 128 metros da Primavera Templo de Buda na província de Henan da China fez é atualmente estátua mais alta do mundo.

O governo do estado de Maharashtra, cuja capital é Mumbai, espera gastar 36 mil milhões de rupias (cerca de 507 milhões de euros) na estátua, que deve ser concluída em 2019.

O projeto tem sido questionado por várias pessoas que consideram que o governo devia canalizar esses recursos para infraestruturas, educação e desenvolvimento.

Até hoje, mais de 27 mil pessoas tinham assinado uma petição online pedindo ao governo para desistir dos seus planos, argumentando que além de ser "um desperdície de dinheiro", a estátua vai ser "terrível para o ambiente, para o tráfego no sul de Bombaim e um pesadelo a nível de segurança".

Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.