sicnot

Perfil

Mundo

Papa diz que é tempo de "calar as armas" na Síria

Papa diz que é tempo de "calar as armas" na Síria

O Papa apelou ao fim do terrorismo e da guerra na missa desta manhã, no Vaticano. Lançou um apelo à paz "na Síria martirizada onde tanto sangue foi já derramado" pedindo que "as armas se calem definitivamente".

"É tempo de as armas se calarem definitivamente e que a comunidade internacional se empenhe ativamente numa solução negocial", declarou o papa na Praça de São Pedro, no Vaticano, por ocasião da tradicional mensagem de Natal, antes da bênção "Urbi et Orbi".

O líder religioso apelou ainda à paz na Terra Santa, pedindo que "israelitas e palestinianos tenham a coragem e a determinação de escrever uma nova página da História, onde o ódio e a vingança deem lugar à vontade de construírem juntos um futuro de compreensão recíproca e harmonia".

O chefe da Igreja Católica dirigiu ainda uma mensagem a todos os que perderam entes queridos em atos terroristas: "paz para quem perdeu um ente querido por causa de atos de terrorismo atrozes, que semearam o medo e a morte em tantos países e cidades".

A 19 de dezembro, um ataque com um camião provocou 19 mortos num mercado de Natal, em Berlim, na Alemanha.

  • Incêndio lavra na Serra da Estrela
    1:44
  • Ribeira de Pena passa noite em claro
    1:32

    País

    Em Vila Real, as chamas levaram ontem ao corte da A7, no troço entre Ribeira de Pena e o Arco de Baúlhe. Foi uma noite em claro, com vários focos de incêndio.

  • Um encontro português (e inesperado) em alto mar
    2:38