sicnot

Perfil

Mundo

Governo iraquiano estima precisar de três meses para derrotar "jihadistas" do Daesh

© Fabrizio Bensch / Reuters

O primeiro-ministro iraquiano, Haidar Al-Abadi, declarou esta terça-feira que o Iraque precisa de três meses para acabar com o grupo "jihadista" Estado Islâmico (EI), contra o qual as forças governamentais conduzem uma grande ofensiva no norte do país.

Numa conferência de imprensa em Bagdad, o chefe do executivo disse que, de acordo com os dados de que o Governo dispõe, é necessário esse período de tempo para derrotar o EI "de forma definitiva", embora não tenha fornecido mais pormenores sobre o assunto.

"Estamos a travar uma guerra de desgaste contra o EI, e há baixas diárias nas fileiras do grupo", salientou o governante.

Segundo Abadi, as forças governamentais continuam a realizar os preparativos e os planos necessários à ofensiva que teve início a 17 de outubro para retomar aos "jihadistas" a província de Nínive e a sua capital, Mossul.

Por outro lado, Abadi negou a existência de forças estrangeiras no território iraquiano.

"Não há nenhum soldado estrangeiro a lutar no Iraque, e os que estão aqui são instrutores e assessores que prestam apoio e dão treino" às tropas iraquianas, disse o primeiro-ministro.

O Iraque está a receber o apoio da coligação internacional anti-"jihadista" liderada pelos Estados Unidos, cuja aviação participa na ofensiva contra os extremistas em Nínive e noutros pontos do país.

Lusa

  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.