sicnot

Perfil

Mundo

Governo iraquiano estima precisar de três meses para derrotar "jihadistas" do Daesh

© Fabrizio Bensch / Reuters

O primeiro-ministro iraquiano, Haidar Al-Abadi, declarou esta terça-feira que o Iraque precisa de três meses para acabar com o grupo "jihadista" Estado Islâmico (EI), contra o qual as forças governamentais conduzem uma grande ofensiva no norte do país.

Numa conferência de imprensa em Bagdad, o chefe do executivo disse que, de acordo com os dados de que o Governo dispõe, é necessário esse período de tempo para derrotar o EI "de forma definitiva", embora não tenha fornecido mais pormenores sobre o assunto.

"Estamos a travar uma guerra de desgaste contra o EI, e há baixas diárias nas fileiras do grupo", salientou o governante.

Segundo Abadi, as forças governamentais continuam a realizar os preparativos e os planos necessários à ofensiva que teve início a 17 de outubro para retomar aos "jihadistas" a província de Nínive e a sua capital, Mossul.

Por outro lado, Abadi negou a existência de forças estrangeiras no território iraquiano.

"Não há nenhum soldado estrangeiro a lutar no Iraque, e os que estão aqui são instrutores e assessores que prestam apoio e dão treino" às tropas iraquianas, disse o primeiro-ministro.

O Iraque está a receber o apoio da coligação internacional anti-"jihadista" liderada pelos Estados Unidos, cuja aviação participa na ofensiva contra os extremistas em Nínive e noutros pontos do país.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.