sicnot

Perfil

Mundo

Congresso da Colômbia aprova Lei de Amnistia para as FARC

© Jaime Saldarriaga / Reuters

O Congresso colombiano aprovou esta quarta-feira a Lei de Amnistia, que prevê o perdão judicial para os membros da guerrilha FARC que não tenham cometido crimes graves durante o conflito, após a "luz verde" do Senado ao projeto.

No total, 69 senadores votaram a favor da lei e nenhum contra, tendo horas antes passado também na Câmara de Representantes com 121 votos a favor e nenhum contra.

A iniciativa pretende dar segurança jurídica aos membros do grupo guerrilheiro Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC) que entreguem as armas, no âmbito do estipulado no acordo de paz assinado a 24 de novembro passado para pôr fim a mais de meio século de conflito.

A Lei de Amnistia deve beneficiar mais de 6.000 membros das FARC processados pelos crimes políticos de rebelião, motim e conspiração, entre outros.

Assim que a lei for promulgada pelo Presidente colombiano, Juan Manuel Santos, poder-se-á avançar mais rapidamente na aplicação do novo acordo de paz que este assinou em novembro, em Bogotá, com o dirigente das FARC Rodrigo Londoño, conhecido como "Timochenko".

Segundo os analistas, com a Lei de Amnistia em vigor, as FARC poderão agilizar a transferência dos seus elementos para as zonas transitórias de normalização, onde se reunirão antes de deporem as armas e desmobilizarem, sem a preocupação de serem judicialmente perseguidos.

Lusa

  • Portugal disponibiliza 200 mil euros para o fundo de apoio à Colômbia
    0:42

    Mundo

    Portugal vai participar com 200 mil euros num novo fundo europeu de apoio à Colômbia. O objetivo é contribuir para o desenvolvimento das zonas mais afetas pelo conflito armado dos últimos 50 anos. Portugal vai ainda participar com 16 observadores na missão internacional que vai monitorizar a aplicação do acordo de paz assinado entre o estado colombiano e as Farc.

  • "Nobel é um incentivo para toda uma nação"
    1:19

    Mundo

    O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos recebeu ao início da tarde na Noruega o prémio pelo trabalho que desenvolveu junto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia, FARC. As cerimónias são este sábado e marcadas pela ausência do Nobel da Literatura, Bob Dylan.

  • Divorciados vão poder dividir filhos no IRS 

    Economia

    Os divorciados vão passar a poder dividir os filhos no IRS (imposto sobre o rendimento singular) e o Governo está a estudar soluções para que em 2018 haja um novo sistema para lidar com a guarda conjunta de filhos.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.