sicnot

Perfil

Mundo

Imagine um dia acordar e ter milhões de euros na sua conta. Pode ser um pesadelo

© Adnan Abidi / Reuters

Imagine acordar um dia e descobrir que milhões de euros foram creditados na sua conta. Uma mulher indiana viveu esta realidade durante dois dias.

Depois de ir a várias caixas multibanco para ver se era mesmo verdade, Sheetal Yadav, de Uttar Pradesh, entrou em pânico. Era verdade.

Mais de 14 milhões de euros.

A mulher, que aufere um salário mensal de 70 euros, foi então ao seu banco tentar resolver o assunto e foi mandada voltar mais tarde, porque o gerente não estava por perto. E quando o gerente voltou, não solucionou o problema.

Yadav, juntamente com o seu marido Ziledar Singh, enviou uma carta a denunciar o acontecimento ao gabinete do primeiro-ministro, na esperança de iria corrigir o erro. Até agora não tiveram sorte.

Houve vários incidentes de funcionários bancários corruptos envolvidos em lavagem de dinheiro na esteira da desmonetização da Índia.

Por este motivo, o governo limitou o montante que pode ser retirado das contas bancárias.

  • Carro do suspeito de rapto de Maelys fotografado por radar a alta velocidade
    1:16

    Mundo

    Praticamente um mês depois do desaparecimento de Maelys de Araújo, as autoridades francesas continuam a fazer buscas para tentar encontrar a menina lusodescendetnte de 9 anos. Entretanto, um jornal francês revelou que o carro do homem suspeito de rapto terá sido fotografado, por um radar, a alta velocidade na noite do desparecimento.

  • 950 militares cercam a Rocinha, no Rio de Janeiro
    2:36
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04

    Mundo

    O Presidente francês volta hoje a ser alvo de manifestações contra a reforma laboral. Os protestos foram organizados por Jean Luc Melenchon, o candidato da extrema-esquerda que concorreu contra Macron.

  • Icebergue com 5.800 quilómetros quadrados está a deslocar-se na Antártida

    Mundo

    Um icebergue gigante está a deslocar-se na Antártida em direção ao mar de Weddell segundo as imagens de satélite reveladas. Trata-se do A68, um icebergue quatro vezes maior que a cidade de Londres. Com cerca de 5.800 quilómetros quadrados e triliões de toneladas, A68 é um dos maiores icebergues conhecidos.