sicnot

Perfil

Mundo

Segurança reforçada na noite de passagem de ano em Sydney

© Jason Reed / Reuters

A policia australiana vai reforçar a segurança na noite de passagem de ano, com mais 2 mil agentes nas ruas de Sydney. A unidade antiterrorista da polícia australiana deteve um homem por proferir ameaças através das redes sociais contra a celebração organizada para a passagem de ano no porto de Sydney, informaram hoje os media locais.

O homem foi detido no aeroporto de Sydney na quinta-feira, quando o suspeito desembarcou de um avião procedente do Reino Unido.

Em paralelo, a polícia fez buscas a uma vivenda e a um armazém em Sydney, onde foram apreendidos documentos e discos rígidos.

O suspeito foi acusado de ofensas contra a segurança, não lhe tendo sido imputada nenhuma acusação ao abrigo da lei antiterrorista, explicou Frank Mennilli, da polícia australiana, citado pela emissora ABC.

O suspeito deverá comparecer novamente em tribunal a 10 de janeiro.

As autoridades acreditam tratar-se de um caso isolado porque não encontraram relações entre o homem e grupos terroristas.

Na semana passada, as forças de segurança detiveram em Melbourne sete pessoas que planeavam atentados com explosivos durante o natal naquela cidade do sudeste da Austrália.

Com Lusa

  • "É abusivo falar de fuga ao fisco"
    4:10

    Economia

    Dez mil milhões de euros é o valor de que se fala das transferências para contas offshore, que terão escapado à Autoridade Tributária. O número impressiona, mas é preciso notar que este dinheiro é capital que sai do país e o capital não está sujeito ao pagamento de imposto só porque sai do país. O fiscalista Tiago Caiado Guerreiro esteve no Jornal da Noite para dar mais explicações sobre o caso.