sicnot

Perfil

Mundo

Mulher do embaixador morto no Brasil detida por suspeita de cumplicidade

A mulher do embaixador grego no Brasil encontrado morto na quinta-feira foi hoje detida, assim como um polícia com quem mantinha uma relação extraconjugal, por suspeita de autoria do homicídio, informou a polícia.

O diplomata, Kyriakos Amiridis, foi encontrado morto dentro de um automóvel calcinado perto do Rio de Janeiro e a polícia deteve três pessoas suspeitas de envolvimento, entre elas a mulher e um agente da polícia militar.

O delegado policial Evaristo Magalhães afirmou, em conferência de imprensa, que se tratou de um "crime passional".

"Ela teria planeado, juntamente com o polícia militar, toda a organização do crime", disse.

Os três suspeitos estão em prisão preventiva por 30 dias, prorrogáveis por mais 30.

Segundo as primeiras investigações, o polícia Sérgio Gomes Moreira foi o autor material do crime e contou com a ajuda de um primo para se desfazer do corpo, encontrado "completamente carbonizado" dentro do veículo.

A causa de morte não foi ainda estabelecida, aguardando-se o resultado da autópsia.

O primo do polícia implicado, detido e colocado em prisão preventiva, confessou à polícia que a mulher, a brasileira Françoise Amiridis, o contratou e lhe "ofereceu pessoalmente 80.000 reais (23.300 euros)".

O delegado policial indicou que foi a própria mulher, acompanhada do advogado, que participou o desaparecimento do marido, de 59 anos.

As câmaras de segurança da zona e as sucessivas contradições das declarações da mulher ajudaram as autoridades a afastar a hipótese de sequestro e a começar a trabalhar na de homicídio.

Kyriakos amiridis foi cônsul da Grécia no Rio de Janeiro entre 2001 e 2004 e foi promovido a embaixador em Brasília no princípio de 2016.

Lusa

  • Camião chocou contra viaduto e deslocou pilar
    2:00
  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Descoberta nova espécie de rã no Equador

    Mundo

    Uma nova espécie de rã juntou-se às 570 já catalogadas na floresta tropical do Equador, numa expedição que visava estudar outra espécie mas acabou por descobrir uma variante desconhecida até agora.

  • Cansado de esperar horas a fio no trânsito? Passe por cima
    1:06

    Pequenas grandes histórias

    Hum Rider é um carro com um botão mágico. Passa por cima dos veículos parados graças a um sistema hidráulico que faz elevar o carro 2,75 metros. Tem quase 4.000 kg e quatro câmaras ajudam a fazer a manobra. Este Jeep Grand Cherokee, não passa, nem vai passar, de um protótipo. É uma transformação da marca Verizon que serviu para promover uma inovação tecnológica que vai ajudar a fazer diagnósticos de problemas em carros.