sicnot

Perfil

Mundo

Letreiro de Hollywood vandalizado

Letreiro de Hollywood vandalizado

Uma brincadeira trocou este domingo o icónico símbolo de Hollywood, colocando o cartaz do Parque Griffith a dizer 'Hollyweed', numa referência à legalização do uso recreativo de marijuana na Califórnia, aprovada em referendo em novembro.

A polícia estava a tentar descobrir a identidade do homem que, vestido todo de preto, foi apanhado pelas câmaras de segurança a pendurar dois panos por cima das letras 'O', transformando-as em 'E', e assim criando a palavra Hollyweed, que contém 'weed', a designação popular para erva.

A brincadeira pode ter sido uma 'piscadela de olho' aos eleitores da Califórnia, que em novembro aprovaram a Proposta 64, que legalizou o uso da marijuana para fins recreativos, escreveu a agência de notícias espanhola Efe.

Esta droga leve, aliás, pode agora ser consumida em toda a costa leste dos Estados Unidos, no seguimento de um conjunto de alterações à lei, que agora permite a utilização desta droga.

As fotografias rapidamente se espalharam pelas redes sociais durante a tarde, antes de as autoridades tirarem os panos e o cartaz voltar a dizer 'Hollywood'.

A brincadeira, apesar de mediática, não é exatamente original, já que há exatamente quarenta anos, um estudante universitário alterou o cartaz exatamente da mesma maneira.

Com Lusa

  • Vala comum com 6 mil corpos em Mossul
    1:43
  • À redescoberta da Madeira, 16 anos depois
    1:59
  • A menina que os pais queriam chamar "Allah"

    Mundo

    ZalyKha Graceful Lorraina Allah tem 22 meses, anda não sabe ler nem escrever mas já está no centro de um processo judicial contra o Estado da Georgia, nos EUA. Os pais, Elizabeth Handy e Bilal Walk, apoiados por uma ONG, exigem na justiça que o nome seja reconhecido na certidão de nascimento para que a criança possa ser inscrita na escola, na segurança social ou nos registos e notoriado. O casal já tem um filho de 3 anos que se chama Masterful Mosirah Aly Allah.

  • Samsung vai vender modelos reparados do Galaxy Note 7

    Economia

    A Samsung Electronics anunciou hoje que vai vender e alugar telemóveis reparados do modelo Galaxy Note 7 depois de no ano passado a empresa ter decidido suspender a respetiva produção devido a incêndios nas baterrias de íon-lítio.

  • Acidentes em falésias matam 94 pescadores lúdicos

    País

    Mais de 90 pescadores lúdicos morreram nos últimos 19 anos e 137 ficaram feridos em 252 acidentes registados em zona rochosa ou em falésia, a maioria na zona de Lagos, Faro, segundo dados da Autoridade Marítima Nacional.