sicnot

Perfil

Mundo

Turquia aprova mais três meses de Estado de emergência

© Osman Orsal / Reuters

O parlamento turco aprovou esta terça-feira um prolongamento de três meses do estado de emergência que foi instaurado após a tentativa de golpe de Estado de julho.

A decisão foi tomada três dias após um atentado numa discoteca de Istambul, na Turquia, que causou a morte a 39 pessoas.

O estado de emergência, que levou à detenção de mais de 41.000 pessoas, já foi prolongado uma vez e deveria terminar a 19 de janeiro.

O governo turco, que pediu ao Parlamento um prolongamento do estado de emergência, justificou o pedido com a necessidade de erradicar a influência do movimento de Fethullah Gülen das instituições públicas turcas.

Fethullah Gülen negou qualquer ligação à tentativa de golpe de Estado de julho, da qual tem sido acusado pelo governo turco.

O estado de emergência dá poderes especiais ao governo para encerrar associações e grupos de media e permite às autoridades prolongar a detenção de pessoas sem acusação formulada.

Lusa

  • "O PSD não é o bombeiro de serviço desta geringonça"
    1:09

    TSU

    O líder da bancada social-democrata avisa os partidos da esquerda para que tenham o caso da TSU como exemplo e não voltem a usar o PSD como muleta em situações em que não estejam de acordo com o Governo, como pode vir a acontecer com as PPP no setor da saúde. Luís Montenegro foi entrevistado esta manhã na SIC Notícias.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.