sicnot

Perfil

Mundo

Pescador sobrevive a viagem de seis horas arrastado por espadarte gigante 

© David Gray / Reuters

Um pescador sobreviveu a uma perigosa viagem pelo oceano, a Oeste da Austrália. Um espadarte de grande porte conseguiu fazê-lo cair ao mar e arrastou o homem ao longo de uma distância superior a 50 quilómetros, durante cerca de seis horas, depois de morder o isco que o pescador lhe oferecia.

Sozinho numa embarcação própria para este tipo de pesca, valeu-lhe um outro pescador que se apercebeu da situação e alertou de imediato as autoridades.

O homem, com menos de 30 anos, conseguiu resistir à insólita viagem. Valeu-lhe também a sorte de ter sido encontrado. Várias embarcações foram mobilizadas para a operação de busca.

O pescador neozelandês tinha viajado para a remota península de North West Cape, conhecida também por este tipo de pesca desportiva. O homem foi transportado para o hospital da cidade mais próxima, Exmouth, onde foi internado em estado de choque e hipotermia.

"A comunidade mobilizou-se e fez um excelente trabalho, organizando uma busca o mais rapidamente possível", disse à BBC Rusty Ellis, comandante do grupo de resgate de voluntários da marina de Exmouth.

"Todos estão muito aliviados por ele ter sido encontrado. Poderia ter sido uma situação trágica", acrescentou Ellis, realçando que este caso serve para alertar para o perigo de praticar sozinho este género de pesca desportiva.

  • Derrame de ácido clorídrico na Nacional 1, em Gaia
    1:15

    País

    Um derrame de ácido clorídrico obrigou esta manhã ao corte da Nacional 1, em Vila Nova de Gaia, na zona de Pedroso. O ácido estava a ser transportado em embalagens de plástico, dentro de um pesado de mercadorias. Foi o motorista que detetou a fuga e pediu a ajuda dos bombeiros.

  • "Fiz coisas de que me envergonho"
    2:31
  • "É abusivo falar de fuga ao fisco"
    4:10

    Economia

    Dez mil milhões de euros é o valor de que se fala das transferências para contas offshore, que terão escapado à Autoridade Tributária. O número impressiona, mas é preciso notar que este dinheiro é capital que sai do país e o capital não está sujeito ao pagamento de imposto só porque sai do país. O fiscalista Tiago Caiado Guerreiro esteve no Jornal da Noite para dar mais explicações sobre o caso.

  • Número de mortos de atentado em al-Bab sobe para 60

    Mundo

    O atentado bombista de hoje na cidade de al-Bab (Norte da Síria), capturada na quinta-feira ao Estado Islâmico, fez pelo menos 60 mortos, de acordo com um novo balanço noticiado pela agência de notícias estatal turca Andadolu.