sicnot

Perfil

Mundo

Rainha da Suécia acredita que o Palácio é assombrado por fantasmas

© Darren Ornitz / Reuters

A rainha Silvia da Suécia acredita que o Palácio Real é assombrado. Segundo a rainha, ela partilha o Palácio de Drottningholm com "pequenos amigos... fantasmas".

"É muito excitante. Mas não fico assustada", ela disse num documentário, que será transmitido pela televisão estatal da Suécia, esta quinta-feira.

Perto de Estocolmo, o edifício é a residência permanente da rainha e do seu marido, o rei Carlos XVI Gustavo. "Às vezes sinto que não estou completamente sozinha", a rainha disse aos realizadores, insistindo que os seus alegados colegas de casa são "muito amigáveis".

A princesa Cristina - irmã do rei - apoiou a teoria da rainha, dizendo que a casa tem muita energia.

Um website sueco brincou com o assunto ao dizer que "os bravos caçadores de fantasmas amadores" poderia visitar o palácio, de modo a comprovar os rumores.

© TT News Agency / Reuters

A rainha Silvia casou com o rei Carlos há 40 anos, é filha de um empresário alemão e de uma brasileira.

No livro "The Royal Year" de 2015, Silvia confessou que estava muito sozinha durante os seus primeiros anos como rainha e que era difícil viver num palácio dominado por homens.

A rainha foi internada no hospital antes do Natal, depois de sentir tonturas, mas deram-lhe alta dois dias depois.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.