sicnot

Perfil

Mundo

Guerrilheiro suspeito de mandar matar defensores de direitos humanos detido na Colômbia

As autoridades da Colômbia prenderam um chefe da guerrilha Exército de Libertação Nacional (ELN), acusado de mandar matar defensores dos direitos humanos, informou esta quinta-feira o Ministério Público.

Javier Gaviria Muñoz, conhecido por "Cazuelo", foi capturado em Popayán, no sudoeste do país, numa operação realizada na capital do departamento de Cauca por agentes do Corpo Técnico de Investigações do Ministério Público.

A acusação contra "Cazuelo", enquanto alegado autor material, inclui os crimes de homicídio, tráfico, fabrico ou posse de armas, uso privado das forças militares e conspiração.

No ano passado, 78 defensores de direitos humanos foram assassinados na Colômbia, igualando o recorde de vítimas de 2013, segundo dados da organização não-governamental Somos Defensores.

Lusa

  • Dez feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    Uma embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia. O barco foi entretanto retirado da água e a marginal continua cortada ao trânsito.

  • PS apresenta Lei de Bases da Habitação para abrir debate sobre habitação acessível
    1:19

    Economia

    O PS quer avançar com uma Lei de Bases da Habitação. A proposta apresentada esta quinta-feira propõe a requisição de casas devolutas para habitação e apoios concretos para o arrendamento a preços acessíveis. O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é tempo de abrir um debate sobre a habitação que acredita que pode resultar numa Lei ainda na atual legislatura.

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.