sicnot

Perfil

Mundo

Militares da Nigéria encontram outra das estudante de Chibok raptadas pelo Boko Haram

Mãe de uma das estudantes raptadas pelo Boko Haram

© Afolabi Sotunde / Reuters

Os militares da Nigéria disseram que outra das estudantes de Chibok raptadas pelo Boko Haram há perto de três anos foi encontrada esta quinta-feira por soldados a vaguear perto da floresta reduto do grupo extremista.

Cerca de 300 raparigas foram raptadas pelo Boko Haram de um colégio na cidade de Chibok (nordeste) em abril de 2014.

Em maio, uma das raparigas conseguiu fugir e em outubro o governo negociou a libertação de 21 outras. Uma outra rapariga foi libertada em novembro num ataque a um campo dos extremistas na floresta de Sambisa.

O coronel Sani Kukasheka Usman, porta-voz do exército, disse que a última rapariga a alcançar a liberdade foi descoberta hoje perto da cidade de Damboa (nordeste).

Mais de 200 estudantes continuam desaparecidas, das quais várias terão morrido devido à malária e a mordeduras de cobras.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".