sicnot

Perfil

Mundo

Centrifugadora de papel separa componentes do sangue e isola parasitas da malária

James Gathany

Uma centrifugadora manual, feita com papel e fio de pesca, pode separar o plasma dos restantes componentes do sangue em 1,5 minutos e isolar os parasitas da malária em 15 minutos, segundo a Nature Biomedical Engineering.

O aparelho, denominado 'papelfugadora', pode separar também a parte do sangue que contém os glóbulos brancos e as plaquetas, publica hoje a revista Nature Biomedical Engineering.

O conceito, que bioengenheiros da universidade norte-americana de Standford desenvolveram e testaram, inspirando-se num brinquedo antigo, pode ser ampliado para fabricar centrifugadoras baratas de plástico e impressas a três dimensões (3D).

O sangue é injetado em tubos capilares (tubos de ensaio muito estreitos) que se colocam entre dois discos de papel e estão agarrados por tiras de velcro.

O movimento giratório, para centrifugar, é conseguido ao se enrolar e desenrolar os discos, graças a duas pegas em madeira e a duas cordas feitas com fio de pesca que atravessam o centro dos discos.

Manu Prakash, professor assistente de bioengenharia na Universidade de Standford, admitiu, citado pela página na Internet da instituição, que se trata do objeto movido pelas mãos que rodopia mais rápido.

A universidade lembra que uma centrifugadora é fundamental para a deteção de doenças como a malária, a sida ou a tuberculose.

Devido ao seu baixo custo, a 'papelfugadora' pode ajudar, de acordo com os peritos que a criaram, no diagnóstico de patologias em países pobres onde elas têm mais prevalência, nomeadamente em África.

Lusa

  • Carro que atropelou adepto encontrado numa garagem na Amadora
    1:51

    Desporto

    O carro que atropelou o adepto da Fiorentina, junto ao Estádio da Luz, está nas mãos da Polícia Judiciária. O automóvel foi encontrado esta terça-feira por uma brigada da PSP na garagem de um casa da Amadora, que pertence a um elemento da claque dos No Name Boys.

  • Portugal subiu cinco lugares no Ranking da Liberdade de Imprensa
    1:42

    País

    Portugal está agora na 18 ª posição em 180 países no relatório deste ano dos Repórteres Sem Fronteiras. Esta associação revela que a imprensa portuguesa foi condenada 21 vezes por violação de liberdade de expressão e por difamação pelo Tribunal Europeu dos Direitos do Homem.

  • A SIC foi dar uma volta de bicicleta

    País

    Há 90 anos, cerca de 40 ciclistas partiam do Marquês de Pombal, em Lisboa, para a primeira etapa da 1.ª Volta a Portugal de Bicicleta. Hoje, um grupo de investigadores repete o percurso, até Setúbal, dando início a uma viagem que pretende incentivar o uso da bicicleta como meio de transporte no dia-a-dia. Um jornalista da SIC segue no pelotão e pode acompanhar a viagem em direto no Facebook da SIC Notícias.

    SIC