sicnot

Perfil

Mundo

Pai de menina espanhola com doença rara acusado de exploração sexual

O pai de uma menina de 11 anos está a ser investigado pelas autoridades espanholas por suspeitas de exploração sexual. Esta é a menina cujos pais terão dado informações falsas sobre o estado de saúde da filha, apenas para conseguir mais dinheiro em donativos.

O homem está indiciado por provocação e exploração sexual, depois de terem sido encontradas fotografias da filha em dispositivos de armazenamento eletrónico do pai.

O homem será presente a um juiz na próxima sexta-feira, juntamente com a mãe da criança, também investigada. A mulher também está presente em algumas das imagens com caráter sexual.

O casal terá ainda usado a filha para receber doações, devido a uma doença que a criança tinha, mas que terá sido exagerada para aumentar o valor arrecadado com a menor de 11 anos.

  • Pais de menina com doença rara mentiram para conseguir mais dinheiro em donativos
    1:57

    Mundo

    Um caso, aparentemente, de falsa caridade está a revoltar a opinião pública, em Espanha. Os pais de uma menina, com uma doença rara terão dado informações falsas sobre o estado de saúde da filha, apenas para conseguir mais dinheiro em donativos. Os pedidos de ajuda eram feitos na internet, nas redes sociais e programas de televisão, e terão rendido perto de um milhão de euros. O pai está agora em prisão preventiva.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.