sicnot

Perfil

Mundo

Donald Trump entrega gestão de negócios aos dois filhos mais velhos

© Mike Segar / Reuters

O Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse esta quarta-feira que cedeu o controlo dos seus negócios aos seus dois filhos adultos e a um colaborador, mas não vai vender os seus ativos na empresa.

Donald Trump assegurou também, em conferência de imprensa, que os seus filhos não vão discutir consigo as decisões empresariais que tomarem.

A sua advogada, Sheri Dillon, explicou que a empresa de Donald Trump não vai fazer novos negócios no estrangeiro durante a sua presidência e que as operações domésticas vão ser alvo de uma escrupulosa supervisão para evitar conflitos de interesse.

Donald Trump prevê também doar todo o lucro que os seus hotéis obtenham de governos estrangeiros ao Tesouro norte-americano.

A advogada assegurou que assim que tomar posse como Presidente dos Estados Unidos, a 20 de janeiro, o empresário vai afastar-se do seu negócio e só "saberá de um acordo se o vir nos jornais ou na televisão".

Lusa

  • Rússia nega ter informação que possa comprometer Trump
    2:59

    Mundo

    A Rússia nega ter informação pessoal secreta com a qual possa chantagear o Presidente eleito dos Estados Unidos. Alguns órgãos de comunicação social norte-americanos garantem que os Serviços Secretos dos Estados Unidos já avisaram não só Trump, mas também Barack Obama. O relatório foi entretanto tornado público mas ninguém até agora confirmou se é verdadeiro.

  • "Acho que foi a Rússia"
    3:45

    Mundo

    Donald Trump deu esta quarta-feira a primeira conferência de imprensa após a eleição como Presidente dos Estados Unidos. A Rússia foi o tema que dominou as perguntas e respostas. Trump disse que acredita que a Rússia esteve por trás das fugas de informação do Comité Nacional Democrata.

  • "Não vos respondo a uma pergunta. Vocês dão notícias falsas"
    0:36

    Mundo

    Na conferência de imprensa desta quarta-feira, Donald Trump lançou fortes críticas aos jornalistas, acusando-os de serem responsáveis por divulgarem boatos. O Presidente eleito dos Estados Unidos chegou mesmo a recusar-se a responder a alguns órgãos da comunicação social. A reação vem na sequência da notícia publicada pela CNN, que dava conta que os russos tinham informação pessoal e financeira comprometedora sobre Trump.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.