sicnot

Perfil

Mundo

Imprensa Estrangeira de Hollywood felicita Meryl Streep por discurso sobre Trump

HFPA / HANDOUT

A Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood felicitou a atriz Meryl Streep pelo seu discurso crítico em relação ao Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, garantindo estar ao seu lado na "defesa da liberdade de expressão".

"Como organização de jornalistas, a Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood apoia a sua defesa da liberdade de expressão e rejeita qualquer ação de censura. Agradecemos o seu inquebrável apoio às artes", lê-se numa mensagem de correio eletrónico enviada pela associação a Meryl Streep, divulgada esta quarta-feira por meios de comunicação social norte-americanos.

O email está assinado por Lorenzo Soria, presidente da Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood, composta por 90 jornalistas de várias partes do mundo.

A associação aproveita ainda esta mensagem para felicitar Meryl Streep por ter recebido, no domingo, na Gala dos Globos de Ouro, o prémio honorário de carreira Cecil B. DeMille.

"Defendemos orgulhosamente a nossa escolha e aplaudimos os seus 40 anos de trabalho cativante. É uma mulher com verdadeira classe, dentro e fora das suas personagens", lê-se ainda na mensagem.

No domingo, na cerimónia de entrega dos prémios de cinema e televisão Globos de Ouro, em Los Angeles, Meryl Streep, criticou Donald Trump, sem sequer mencionar o seu nome, pela retórica de desunião.

"Vocês e todos nós nesta sala pertencemos verdadeiramente aos segmentos mais vilipendiados da sociedade norte-americana neste momento. Pensem nisso. Hollywood, estrangeiros e a imprensa", disse, em tom de piada, no momento em que recebeu o prémio.

"Mas quem somos nós? E o que é Hollywood, de qualquer forma? Um monte de pessoas de outros sítios. Hollywood está cheia de forasteiros e estrangeiros. Se corrêssemos com todos, não havia nada para ver, a não ser futebol e artes marciais, que não são bem artes", afirmou.

O discurso de Streep aconteceu a menos de duas semanas da tomada de posse de Donald Trump, que realizou uma campanha contra mexicanos e muçulmanos.

Lusa

  • Benefícios fiscais trouxeram a Portugal 10 mil estrangeiros em 2015

    Economia

    Os benefícios fiscais em Portugal atraíram mais de 10 mil estrangeiros no ano passado. A maioria vem com o estatuto de residente não habitual, que dá isenção total de IRS aos reformados por dez anos e 20% de isenção no imposto para profissionais que estiverem ligados a atividades de valor acrescentado como Psicologia, Investigação ou Medicina.

  • Trump e os jornalistas: uma relação (su)rreal
    2:08
  • Novo campo de refugiados construído em Mossul

    Mundo

    Um novo campo de refugiados foi construído em Mossul, no Iraque. Com cerca de 4 mil tendas, foi construído durante 45 dias para albergar os deslocados que se prevê que aumentem com a atual ofensiva militar na zona ocidental da cidade.