sicnot

Perfil

Mundo

Fundador do Wikileaks concorda ser extraditado para os EUA

© Axel Schmidt / Reuters

O fundador do Wikileaks, Julian Assange, concorda ser extraditado para os Estados Unidos se o Presidente Barack Obama perdoar a antiga militar norte-americana Chelsea Manning, condenada por lhe passar mais de 700.000 documentos confidenciais.

"Se Obama perdoar Manning, Assange aceita a extradição para os Estados Unidos, apesar da flagrante inconstitucionalidade" do Departamento de Justiça norte-americano, escreveu o Wikileaks na rede social Twitter.

Julian Assange, 45 anos, de nacionalidade australiana, refugiou-se na embaixada do Equador em Londres em junho de 2012, para evitar a extradição para a Suécia, onde foi acusado de violação.

Chelsea Manning foi condenada em agosto de 2013 e já tentou suicidar-se duas vezes.

Lusa

  • Presidente do Conselho Europeu admite divergências com Trump

    Mundo

    O presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, admitiu hoje que a reunião mantida em Bruxelas com o presidente norte-americano, Donald Trump, permitiu constatar pontos de concordância em várias áreas, mas também de discordância noutras, como clima, comércio e Rússia."

  • Mourinho volta a conquistar a Europa

    Liga Europa

    O Manchester United conquistou esta quarta-feira a Liga Europa pela primeira vez. Este foi o quarto título europeu para Mourinho, depois das conquistas da Taça UEFA, em 2002/03, e da Liga dos Campeões, em 2003/04 e 2009/10.

  • Mexicana vence ultramaratona a correr de sandálias e de saia

    Desporto

    Uma mexicana venceu uma ultramaratona de 50 quilómetros a correr de saia e sandálias de borracha. María Lorena Ramírez, de 22 anos, não é atleta profissional, nem recebeu treino específico para a Ultra Trail Cerro Rojo, prova que venceu, mas pertence à tribo Tarahumara, com uma longa e invulgar tradição de excelentes corredores.

    SIC

  • Marcelo diz que a Europa precisa de paixão
    2:36
  • Protestos e violência no Rio de Janeiro
    1:08