sicnot

Perfil

Mundo

Fotojornalista sul-africano sequestrado na Síria

Um fotojornalistas sul-africano foi sequestrado no noroeste da Síria, perto da fronteira com a Turquia, alertou este sábado a sua família a uma organização de ajuda humanitária.

Shiraaz Mohamed estava a sair do país na terça-feira, quando, em conjunto com dois funcionários da organização não-governamental Gift of The Givers, com sede na África do Sul, foi sequestrado.

O incidente ocorreu num hospital administrado por aquela organização em Darkouch, uma cidade situada a 100 quilómetros de Alepo.

Segundo o fundador da instituição de caridade, os sequestradores apareceram em dois carros, pararam junto ao hospital, abriram as portas colocaram armas na cabeça de duas pessoas e depois olharam para Mohamed Shiraaz.

"Os sequestradores disseram que tinham de falar com Mohamed por causa de um mal-entendido, mas prometeram que o devolveriam em dois dias", disse.

Os dois funcionários da organização acabaram por ser libertados.

As autoridades sul-africanas, que encerraram a sua embaixada na Síria por razões de segurança, não conseguiram confirmar o sequestro.

Lusa

  • A homenagem a Mário Soares no congresso do PS
    2:30
  • Costa defende legalização da eutanásia como forma de "alargar a liberdade"
    0:42
  • Duquesa de Sussex já tem brasão

    Harry & Meghan

    O Palácio de Kensington apresentou esta sexta-feira o brasão da Duquesa de Sussex, Meghan Markle. O brasão foi criado pelo College of Arms mas teve a ajuda da duquesa para que este fosse "pessoal e representativo".

    SIC