sicnot

Perfil

Mundo

Mau tempo provoca encerramento de estradas em vários pontos de Espanha

VILLAR LOPEZ

A queda de neve provocou em Espanha o encerramento de estradas em vários pontos do país e o mau tempo colocou em alerta 16 províncias, divulgaram este domingo a imprensa e as autoridades espanholas.

De acordo com o jornal El País, o mau tempo em Espanha, nomeadamente a neve, o vento e as grandes ondas, levaram as autoridades a colocar em alerta 16 províncias do país. Por exemplo, as províncias de Huesca e Teruel sofrem com os ventos fortes que podem chegar aos 100 quilómetros por hora, além de terem baixas temperaturas e o acumular de neve.

No noroeste do país, as províncias de Cantábria, Burgos, Leão, Palencia, La Rioja, Astúrias e Navarra sofrem também com o mau tempo e baixas temperaturas.Valencia e as Ilhas Baleares também enfrentam problemas com o mau tempo no país.

As estradas de Sancho Leza, La Rasa e Penã Hincada, em zonas de montanha e pertencentes à rede secundária de estradas de La Rioja, permanecem encerradas ao tráfego devido à neve, referiu à agência de notícias espanhola EFE o comando da Guarda Civil na comunidade de La Rioja.

A estrada LR-250, em Sancho Leza, está fechada ao tráfego entre os quilómetros 50 e 57, em Laguna de Cameros, segundos dados disponibilizados no início da manhã de hoje.Na LR-245, em Muro de Cameros, permanece encerrada ao trânsito em La Rasa, entre os quilómetros 8 e 14, assim como na LR-232, em Peña Hincada, na região de Brieva de Cameros, entre os quilómetros 10 e 12.

Nas outras estradas secundárias em La Rioja, em la Pradilla (LR-111), em Valgñón, entre os quilómetros 0 e 5; e Montenegro (LR-333), em Viniegra de Arriba, entre os quilómetros 11 e 19, é necessário o uso de correntes nas rodas dos carros.

A situação no resto das estradas da comunidade é de normalidade, ainda que seja aconselhado a precaução devido ao gelo nas vias.A neve obrigou também, nas última horas, a encerrar vários trechos na província de Burgos, todas da rede secundária.Segundo dados da Direção Geral de Tráfico (DGT), estão encerradas a BU-571, em dois quilómetros entre Río Trueba a Río de la Sía, a BU-570, em cinco quilómetros entre Ríoseco e Río Trueba, e a BU-572, em oito quilómetros entre Ríoseco e Río de Lunada.

Estas estradas mantêm-se encerradas desde sábado, mas a situação melhorou, já que a neve não afeta outras estradas da Comunidade, ainda que condicione a circulação devido à formação de gelo em alguns pontos entre Burgos e Soria

.A neve também mantém fechadas quatro estradas de montanha na rede de estradas da Cantábria e obriga ao uso de correntes em automóveis em cinco vias, enquanto outras oito estradas recomenda-se circular com precaução devido ao gelo.

Lusa

  • Negócios do Fogo
    22:00
  • Direção da Raríssimas na Madeira demitiu-se em setembro
    1:58

    País

    Três representantes da Raríssimas na ilha da Madeira demitiram-se, em setembro, de costas voltas para a direção. A delegação da instituição na ilha começou em 2015 e fechou com as três demissões. Em entrevista à SIC, uma das antigas delegadas afirmou que todos os fundos angariados foram para a sede, em Lisboa, ficando depois sem dinheiro para pagar as despesas.

  • Deputado do PSD recusa vice-presidência da Raríssimas
    1:58

    País

    Nas reações políticas ao caso da Raríssimas, o PSD e CDS dizem que é preciso acionar todos os mecanismos legais apropriados para averiguar a situação. O deputado social-democrata, Ricardo Baptista Leite, que tinha sido convidado recentemente para vice-presidente da instituição, diz que já não há condições para tomar posse.

  • Turistas aproveitam nevão na Serra da Estrela
    1:23
  • Fortes nevões no norte da Europa
    0:59
  • Dezenas de feridos em protestos contra decisão de Trump em Israel
    1:55
  • A brincadeira de um youtuber que podia ter acabado mal

    Mundo

    Um jovem youtuber inglês enfiou a cabeça num saco de plástico, prendeu-a na parte interna de um microondas e encheu depois o eletrodoméstico com cimento. A brincadeira, que podia ter acabado de forma trágica, deixou o jovem completamente preso e obrigou à intervenção dos serviços de emergência.

    SIC

  • "Popeye" russo pode ter que amputar braços

    Mundo

    Um jovem russo injetou um óleo no corpo para conseguir ter músculos, mais propriamente nos seus braços, que já cresceram cerca de 25 centímetros. Contudo, segundo um médico, o procedimento pode levar à necessidade de amputação, deixando o jovem sem os membros.