sicnot

Perfil

Mundo

França e Alemanha defendem unidade e confiança da UE frente a novo Presidente dos EUA

© Shannon Stapleton / Reuters

O chefe da diplomacia francesa, Jean-Marc Ayrault, considerou esta segunda-feira que "a melhor resposta" dos europeus às últimas declarações de Donald Trump sobre a UE é "mostrar unidade".

"A melhor resposta à entrevista do presidente norte-americano é a unidade dos europeus", é "fazer um bloco", declarou Ayrault, à chegada a Bruxelas, onde vai participar numa reunião de ministros dos Negócios Estrangeiros.

O vice-chanceler alemão, Sigmar Gabriel, também comentou a entrevista de Trump, afirmando que a UE deve responder "com confiança".

"Penso que nós, europeus, não devemos cair em profunda depressão. Não subestimo o que Trump disse sobre a NATO ou a UE, mas nesta situação fazia-nos bem mostrarmos um pouco de confiança", afirmou Gabriel, também ministro da Economia, ao diário Bild.

Numa entrevista aos diários britânico The Times e alemão Bild, Trump considerou que o Reino Unido "teve razão" em sair da UE ('Brexit'), acrescentando que outros países vão deixar a UE.

Donald Trump, que toma posse na sexta-feira como Presidente dos EUA, prevê que o "Brexit" (a saída do Reino Unido da União Europeia) vai ser "um êxito" e anunciou que quer concluir rapidamente um acordo comercial com os britânicos.

Na entrevista, disse que a chanceler alemã, Angela Merkel, cometeu "um erro catastrófico" ao abrir as fronteiras do seu país aos refugiados, que classificou como "estes ilegais".

Trump qualificou a NATO como uma organização obsoleta, censurando os Estados-membros por não pagarem a sua parte na defesa comum e 'encostarem-se' aos Estados Unidos.

"É suposto protegermos estes países, mas muitos deles não pagam o que deviam", apontou.

Lusa

  • As primeiras reações à morte de Chester Bennington

    Cultura

    Chester Bennington, vocalista da banda de metal alternativo Linkin Park, morreu esta quinta-feira em casa em Palos Verdes Estates, no estado da Califórnia, nos EUA. Várias celebridades já reagiram à morte do músico de 41 anos. Segundo o TMZ, o cantor da banda norte-americana suicidou-se.

  • O perfil do novo herói do surf português
    3:43
  • O. J. Simpson vai sair em liberdade condicional

    Mundo

    A antiga estrela de futebol americano O. J. Simpson vai sair em liberdade condicional, depois de ter cumprido nove anos de prisão num estabelecimento prisional do estado do Nevada, nos Estados Unidos.

  • Filho do leão Cecil também foi abatido por um caçador

    Mundo

    Xanda pode ter tido o mesmo fim que o seu pai, o leão Cecil, que em 2015 foi abatido por um caçador, no Zimbabué. Na altura, a morte de Cecil tomou proporções inéditas, chegando uma imagem do leão a ser projetada na fachada do Empire State Building. Agora, Xanda terá sido abatido a tiro por um caçador de troféus.