sicnot

Perfil

Mundo

Candidatos à sucessão de Schulz reduzidos a seis com abandono de Verhofstadt

© Eric Vidal / Reuters

O candidato belga à presidência do Parlamento Europeu (PE) Guy Verhofstadt (Aliança dos Democratas e Liberais pela Europa - ALDE) retirou-se da corrida à sucessão do socialista alemão Martin Schulz, na sessão plenária de Estrasburgo.

O anúncio foi feito pelo próprio Martin Schulz, que preside à reunião magna até ser escolhido pelos 751 deputados dos 28 estados-membros um novo presidente do PE.

Os italianos Antonio Tajani (PPE) e Gianni Pittella (S&D), as principais famílias políticas europeias (democratas-cristãos e socialistas, respetivamente, seguem na "pole-position" da corrida.

Além do substituto de Martin Schulz, que vai concorrer ao parlamento alemão nas próximas eleições e pode vir a desafiar a chanceler Angela Merkel, os eurodeputados vão ainda decidir sobre 14 vice-presidentes, cinco gestores (administração do PE) e os membros das 22 comissões permanentes.

A eleição para presidente começa às 12:00 (horas em Lisboa) e pode ir até às 22:00, caso sejam necessárias uma terceira e quarta votações. Para uma eleição à primeira volta é necessária maioria absoluta dos votos expressos - metade dos votos expressos mais um.

Entre os inscritos estão ainda outra italiana Eleonora Forenza, membro da comissão executiva da Esquerda Unitária Europeia/Esquerda Nórdica Verde (GUE/NGL), a britânica Jean Lambert - Verdes/Aliança Livre Europeia, o romeno Laureniu Rebega (Europa das Nações e da Liberdade) e a belga Helga Stevens (Conservadores e Reformistas Europeus).

Lusa

  • Os apelos de Marcelo para a reforma do Estado
    1:36

    País

    O Presidente da República lamentou este sábado que o consenso para uma reforma do Estado seja um sonho adiado. No enceramento do congresso "Portugal no Futuro", Marcelo Rebelo de Sousa apelou a entendimentos em áreas estratégicas e defendeu que é preciso passar as palavras à ação, o quanto antes.

    Débora Henriques

  • Tragédia de Vila Nova da Rainha foi há uma semana
    7:18
  • Escutas da Operação Marquês "não podem servir de prova"
    1:36

    Operação Marquês

    As defesas de José Sócrates e de Ricardo Salgado queixam-se que as escutas do processo Marquês estão infetadas por um vírus informático. Os advogados dizem que tal como estão as escutas não podem servir de prova. No entanto, o Ministério Público diz que estão reunidas as condições para começar a contar o prazo para a abertura de instrução.

    Luís Garriapa

  • Saco azul do BES pagou a 106 pessoas e 96 avenças ocultas
    2:21

    Economia

    Pelo menos 106 pessoas receberam dinheiro da Espírito Santo Enterprises, a companhia offshore criada nas Ilhas Virgens Britânicas e que terá funcionado como um gigantesco saco azul do Grupo Espírito Santo. O jornal Expresso revelou os primeiros vinte nomes da lista, entre os quais estão Zeinal Bava, antigo CEO da PT, e Manuel Pinho, ex-ministro da economia do Governo de José Sócrates.

  • Doze meses de polémicas, ameaças e promessas
    3:52