sicnot

Perfil

Mundo

Morreu a doente que sofria de cancro e que conquistou fãs a sorrir e a dançar

Ana-Alecia Ayala morreu na tarde de quarta-feira num hospital em Dallas rodeada de amigos e familiares. Na sua página de Facebook, os seguidores prestaram tributo "profundamente tocados pela sua alegria pela vida."

Mais de nove milhões de pessoas assistiram ao vídeo mais popular de Ayala no Facebook e Instagram. Foi partilhado em outubro e Ayala dança com uma amiga no hospital.

"Quem diz que o cancro e a quimioterapia têm que te derrubar? Nós vamos rimos por último!", escreveu na sua página de Instagram.

Foi-lhe diagnosticado um raro tumor no útero em dezembro de 2015. Mais tarde espalhou-se para os ovários e revestimento do estômago.

Alaya queria mostrar ao mundo que "dançar e rir" são o melhor remédio.

  • Desespero e euforia marcaram o 8.º dia de Mundial
    0:50
  • Comprava uma bola de futebol com 9 mil cristais Swarovski?
    2:51
  • Lisboa vence prémio Capital Europeia Verde de 2020

    País

    A cidade de Lisboa venceu o prémio de Capital Europeia Verde de 2020, anunciou o comissário da União Europeia para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, numa cerimónia que decorreu em Nijmegen, na Holanda.

  • Trump culpa democratas pela separação de pais e filhos
    0:22