sicnot

Perfil

Mundo

Portugueses querem contratar Obama

Contratar Barack Obama. Pode parecer uma tarefa impossível, mas para a startup portuguesa Swonkie a única resposta a este desafio é "Yes We Can", mote da campanha presidencial de Obama de há nove anos.

A Swonkie é uma plataforma criada por empreendedores portugueses que permite gerir redes sociais e partilhar conteúdo em segundos (e que há poucos dias a SIC Notícias entrevistou a propósito da Web Summit). Empenhados em viver o "sonho americano", não se consideram "malucos" por querer contratar Barack Obama.

"Acreditamos em pessoas que marquem a diferença", explicam no manifesto publicado no site hiringobama.com. A empresa está à procura de um embaixador americano para a Swonkie, mas não é qualquer pessoa que se pode candidatar ao cargo. A principal condição é "ser o 44º Presidente dos Estados Unidos" e "ter um cão de raça portuguesa".

A escolha é reduzida, e os empresários acreditam que Obama é a pessoa certa. "Podemos tornar isto real contigo, Barack Hussein Obama", anunciam na sua página.

João Pedro Cortinhas, um dos fundadores da Swonkie, quer que a campanha se torne viral e que "chegue o mais longe possível à Casa Branca".

A partir desta sexta-feira Barack Obama está oficialmente "desempregado", mas talvez não por muito tempo. O manifesto pode ser partilhado e a empresa pede a todos que os "ajudem a contratar Obama".

  • "Estar na Web Summit foi dizer em empreendedorês: estamos vivos, estamos aqui!"

    Web Summit

    No seguimento da entrevista à blogger Sara Riobom, que conhecemos durante a WebSummit, trazemos a história de outro jovem português (que não trabalha sozinho) que esteve no evento, em Lisboa, a promover a sua startup. Quis o acaso e as peripécias do direto e do destino que acabasse por receber um visitante ilustre e especial no seu stand: nada mais nada menos do que o primeiro-ministro, António Costa. Recentemente estiveram no Shark Tank, onde conseguiram captar a atenção de um dos “tubarões” do programa da SIC. Mas o que queremos saber é…

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Milhares de brasileiros protestam na Praia de Copacabana contra Temer
    3:04
  • "Precisamos de uma melhor zona Euro"
    0:30