sicnot

Perfil

Mundo

Presidente do Brasil lamenta morte de juiz da Lava Jato e decreta três dias de luto

© Adriano Machado / Reuters

O Presidente do Brasil lamentou hoje, em Brasília, a morte do juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki num acidente aéreo em Paraty, no Rio de Janeiro e decretou um luto oficial de três dias.

."Recebemos com profundo pesar a notícia da morte do ministro (denominação dada aos juízes do STF) Teori Zavascki. Associo-me a todos os brasileiros ao lamentar a perda de um homem público cuja trajetória impecável a favor do direito e da Justiça sempre o distinguiram", disse Michel Temer. O Presidente brasileiro acrescentou que Teori Zavascki era "um homem de bem e um orgulho para todos os brasileiros".

Este juiz era o relator dos processos no STF da operação Lava Jato, que investiga os crimes de corrupção na empresa estatal Petrobras e que tem entre os vários arguidos o antigo Presidente da República Lula da Silva e antigo presidente do Senado, Renan Calheiros. Teori Zavascki foi considerado uma figura central nestas investigações de corrupção, já que tinha a responsabilidade de homologar as delações premiadas (fornecimento de informações importantes em troca da diminuição da pena) fornecidas pelos envolvidos nos processos no STF.

Antes do acidente, o juiz trabalhava nas informações colhidas em delações premiadas de mais de 70 quadros de topo da construtora Odebrecht, consideradas cruciais já que informações vazadas à imprensa sobre as revelações já envolveram o próprio Michel Temer, o ex-Presidente Lula da Silva e dezenas de políticos brasileiros.A aeronave em que o Teori Zavascki viajava, prefixo PR-SOM, havia saído hoje do Campo de Marte, em São Paulo, às 13:01 (15:01 em Lisboa) e o destino era Paraty, no Rio de Janeiro.

O Corpo de bombeiros de Paraty confirmou que avistou três passageiros mortos dentro do avião submerso.Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), a aeronave estava com a documentação em dia.

Lusa

  • Juiz da Lava Jato morre em queda de aeronave no Brasil

    Mundo

    O juiz do Supremo Tribunal Federal (STF) do Brasil Teori Zavascki, de 68 anos, morreu esta quinta-feira num acidente aéreo em Paraty, no litoral do Rio de Janeiro. O filho do juiz, Francisco Prehn Zavascki, confirmou a morte numa mensagem na rede social Facebook: "Caros amigos, acabamos de receber a confirmação de que o pai faleceu! Muito obrigado a todos pela força!".

  • Primeiro-ministro holandês liga a Costa para explicar palavras de Dijsselbloem
    2:23

    País

    António Costa pediu que Djisselbloem desaparecesse da Presidência do Eurogrupo. Após esta tomada de posição, o primeiro-ministro holandês ligou para Costa na semana passada a dar explicações. Contudo, o primeiro-ministro português não recua e volta a dizer que Dijsselbloem não tem condições para continuar, na sequência das declarações sobre copos e mulheres. Os eurodeputados do Partido Popular Europeu reforçaram também esta terça-feira o pedido de demissão.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Novo vídeo do Daesh mostra crianças a treinar para matar
    3:35
  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho

  • Trump propõe cortes orçamentais para pagar muro

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos está a propor cortes de milhões de dólares no orçamento para que os contribuintes norte-americanos, e não o México, paguem o muro a construir na fronteira entre os dois países.

  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.