sicnot

Perfil

Mundo

Donald Trump insta Chicago a controlar criminalidade violenta

© Jim Young / Reuters

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou na terça-feira enviar agentes federais se Chicago não conseguir controlar a criminalidade na terceira maior cidade norte-americana.

O republicano, que fez da lei e ordem um tema chave na sua campanha presidencial, citou as estatísticas de homicídio noticiadas pelo Chicago Tribune.

"Se Chicago não resolver a horrível carnificina que está a acontecer, com 228 tiroteios em 2017 e 42 mortos (mais 24% em relação a 2016), vou enviar os 'Feds' (agentes federais)", disse Trump através da sua conta de Twitter.

Não é claro se a intenção manifestada por Trump através do Twitter era federalizar a polícia local, enviar reforços federais ou qualquer outra ação.

O departamento da polícia de Chicago disse em comunicado que estava "mais do que disposto em trabalhar" com as agências federais como o FBI, agência antidroga dos Estados Unidos (DEA, na sigla em inglês), e departamento de Álcool, Tabaco e Armas de Fogo (ATF) para "aumentar as taxas federais de acusação por crimes de armas em Chicago".

Chicago, que o antigo Presidente Barack Obama adotou como cidade de residência, tem as piores estatísticas de criminalidade violenta entre todas as metrópoles norte-americanas.

A 2 de janeiro Trump escreveu no Twitter que o mayor (presidente da câmara) - um democrata que foi chefe de pessoal de Obama durante o seu primeiro mandato - deveria pedir ajuda federal se fosse incapaz de parar as elevadas taxas de homicídio.

Com Lusa

  • Dois jovens atropelados mortalmente no concelho de Montemor-o-Velho
    2:20

    País

    Dois jovens com cerca de 20 anos foram ao final da tarde deste sábado atropelados mortalmente na freguesia de Arazede, concelho de Montemor-o-Velho. O repórter da SIC Miguel Ângelo Marques falou com o segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Montemor-o-Velho, Rui Coceiro, que revelou que as vítimas foram declaradas mortas ainda no local.

  • Presidente de "O Sonho" suspeito de peculato e fraude
    2:26

    País

    O presidente das três instituições de solidariedade social de Setúbal - incluindo "O Sonho" -, que na sexta-feira foram alvo de buscas, foi constituído arguido. Florival Cardoso é, por enquanto, o único suspeito de peculato e fraude na obtenção de subsídios para as instituições.

  • Manifestação contra mina de urânio junta milhares em Salamanca
    1:39
  • Assalto a Tancos e roubo de armas da PSP podem estar relacionados
    1:24

    País

    O assalto a Tancos e o roubo de armas da PSP, três recuperadas na semana passada, podem estar relacionados. O semanário Expresso avançou este sábado que há suspeitos de terem participado nos dois assaltos e o grupo, ou parte dele, atua principalmente do Algarve, com possíveis ligações a outras organizações espalhadas pelo país ou até transacionais.

  • Cessar-fogo de 30 dias na Síria
    2:07