sicnot

Perfil

Mundo

Polícia austríaca detém oito suspeitos de ligações ao Daesh

Julian Stratenschulte

Pelo menos oito pessoas foram detidas esta quinta-feira na Áustria por suspeita de ligações ao grupo terrorista Daesh, anunciaram as autoridades austríacas.

As autoridades da Áustria apenas confirmaram a detenção de oito suspeitos, mas a imprensa daquele país noticiou que o número de alegados jihadistas ascendia a uma dezena.

As detenções resultam de uma operação que envolveu um grande dispositivo policial - com centenas de agentes - nas cidades de Viena (a capital) e Graz, no sul do país.

O diário Kurier, que cita "fontes oficiosas" da polícia austríaca, realça que o grupo de alegados islamitas procedia da antiga Jugoslávia e que estava a ser vigiado desde há várias semanas.

A maior parte das detenções - 11 segundo o Kurier e dez segundo a emissora pública ORF - deu-se em Graz, a segunda cidade do país, numa ação que envolveu cerca de 600 polícias.

A televisão ORF noticiou que cerca de 800 polícias participaram globalmente na operação, que incluiu buscas a dezenas de casas.

O ministério do Interior austríaco escusou-se a comentar a operação, afirmando que esta ainda não tinha terminado.

Segundo as fontes do Kurier, não existe neste momento qualquer ameaça terrorista concreta contra a Áustria, nem esta operação está relacionada de alguma forma com a detenção de um alegado terrorista islâmico em Viena na semana passada.

Os suspeitos detidos hoje são acusados de querer formar um grupo radical islâmico na Áustria de acordo com as ideias de Mirsad O., conhecido por "Ebu Tejma", um líder religioso islâmico de origem bósnia, condenado no ano passado por um Tribunal de Graz a 20 anos de cadeia por recrutar combatentes para o grupo terrorista Daesh.

Lusa

  • O perfil do homicida de Barcelos
    2:42

    País

    Adelino Gomes Briote já tinha sido condenado por ofensas à integridade física da sogra e de uma filha. Em seis meses esta foi a segunda vez que o homem acusado do quádruplo homicídio em Barcelos esteve perante a justiça.

  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
  • Trump diz que Obamacare vai "colapsar"

    Mundo

    O Presidente norte-americano tentou desvalorizar a derrota política sofrida na sexta-feira no Congresso, ao desistir da revogação da lei de saúde pública do seu antecessor, conhecida como Obamacare, afirmando que esta vai colapsar por si mesma.

  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.

  • Guerra na Síria não dá tréguas
    1:51

    Mundo

    Na Síria e ao mesmo tempo que decorrem novas negociações de paz, a guerra não dá tréguas. As imagens mostram o resultados dos últimos raides aéreos nos subúrbios de Damasco. O balanço provisório é de mais de 30 mortos e pelo menos 50 feridos.