sicnot

Perfil

Mundo

Taxa de desemprego em Espanha desce para 18,63%, a mais baixa desde 2009

Reuters

© Andrea Comas / Reuters

A taxa de desemprego em Espanha baixou para 18,63 % em 2016, a mais reduzida desde 2009, segundo o inquérito sobre a população ativa publicado esta quinta-feira em Madrid pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) espanhol.

De acordo com este relatório, o número de desempregados baixou em 541.700 pessoas no ano passado, situando o número total de pessoas sem trabalho nas 4.237.800, a menor dos últimos sete anos.

Por outro lado, o número de pessoas com emprego aumentou para 18.508.100, o que significa mais 413.900 do que em 2015.

O número de empregados aumentou menos do que a redução dos desempregados, devido à diminuição da população ativa em 127.800 pessoas durante 2016, alcançando os 22.745.900 espanhóis, o menor número de pessoas ativas dos últimos 10 anos.

De acordo com o mesmo relatório, o número de agregados familiares espanhóis em que todos os membros ativos estão desempregados diminuiu no quarto trimestre de 2016 em 50.500, para um total de 1.387.700, dos quais 344.800 eram unipessoais (famílias com uma pessoa).

O número de famílias em que todos os membros ativos estão ocupados aumentou em 60.700, até alcançar os 9.883.600 agregados familiares, dos quais 1.868.700 são unipessoais.

Comparando com o mesmo período de 2015, o número de agregados familiares com todos os seus membros desempregados foi reduzido em 168.900, enquanto os que têm todos os seus membros ativos empregados creceu em 353.200.

Lusa

  • Corpos de portuguesas trasladados segunda-feira 
    1:27
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Estado vai tomar posse de terras abandonadas

    País

    O Governo vai recorrer ao Código Civil para permitir que o Estado tome posse de terras ao abandono. À margem da entrevista ao Expresso, o primeiro-ministro anunciou que o Governo irá acionar o artigo 1345º do Código Civil, que estabelece que as coisas imóveis sem dono conhecido se consideram do património do Estado.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22