sicnot

Perfil

Mundo

Efígie do papa Francisco vai desaparecer dos euros do Vaticano

A efígie do papa Francisco vai desparecer a partir de março dos euros do Estado do Vaticano e substituída pelas armas e as doze estrelas da União Europeia, noticiou a agência I. Media, citando o diário católico "Avvenire".

As oito novas faces nacionais das moedas (entre 01 cêntimo e dois euros) foram publicadas a 24 de janeiro no Jornal Oficial da União Europeia. O reverso é o mesmo de todas as outras moedas da zona euro.


O papa Francisco, muitas vezes chamado de "papa dos pobres", critica constantemente o poder negativo do dinheiro. Devido à sua raridade, os euros do Vaticano, que são legais em todos os países da zona euro, são geralmente vendidos e comprados no mercado especulativo dos colecionadores.


Os acordos assinados entre a União Monetária Europeia e Itália -- de quem o Vaticano depende para cunhar moedas -- têm uma quota monetária específica para o Vaticano.


A primeira série anual do "Euro do Papa" foi posta à venda pela primeira vez a 01 de março de 2002, com a imagem de João Paulo II.

Lusa