sicnot

Perfil

Mundo

FMI diz que a dívida grega é "explosiva"

© Alkis Konstantinidis / Reuter

O Fundo Monetário Internacional (FMI) considera a situação da dívida grega "insustentável" e "explosiva" a longo prazo e apela à zona euro para propor medidas de alívio "mais credíveis", indica um relatório citado esta quinta-feira pela AFP.

Este diagnóstico compromete seriamente a participação financeira do FMI no terceiro programa de assistência financeira à Grécia concedido pela zona euro em 2015.

"Mesmo com a plena aplicação das reformas económicas com as quais o país se comprometeu no quadro do programa" de assistência, "a dívida grega é altamente insustentável" e "vai tornar-se explosiva a longo prazo", quando o Governo tiver de recorrer ao mercado para se financiar a juros mais elevados, refere o FMI.

Se não forem adotadas medidas de alívio, a dívida grega deve atingir 275% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, indica o relatório.

De acordo com as suas regras internas, o FMI, que participou nos dois programas de resgate concedidos anteriormente à Grécia, em 2010 e 2012, não pode conceder empréstimos a um país se considerar a dívida deste insustentável.

O relatório a que a AFP teve acesso apela à zona euro para fazer mais no sentido de aliviar a dívida grega e permitir a participação do FMI no programa.

A instituição pede medidas precisas, como a extensão das maturidades dos empréstimos até 2070 e o alívio dos reembolsos até 2040.

O FMI adverte, no entanto, que, se Atenas não aplicar as reformas exigidas pelos credores, a viabilidade da dívida não estará garantida, mesmo com medidas de alívio drásticas.

Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.