sicnot

Perfil

Mundo

Filha, genro e três colaboradores de Trump registados para votar em dois estados

Tiffany Trump na Trump Tower em Nova Iorque.

© Stephanie Keith / Reuters

Donald Trump, anunciou quarta-feira que vai pedir "uma grande investigação" sobre a alegada fraude eleitoral nas presidenciais. Na sequência desta diligência, a imprensa norte-americana avança agora que Tiffany Trump, uma das filhas de Trump, está registada para votar em dois estados, tal como o genro Jared Kushner, o porta-voz da Casa Branca Sean Spicer, e outros dois colaboradores próximos da Administração Trump.

De acordo com a lei norte-americana, o registo eleitoral em vários estados não é ilegal, mas a questão torna-se relevante pelo facto de Donald Trump ter dito que o facto de haver eleitores recenseados em mais do que um estado constituía um indício de fraude.

Tiffany Trump, uma das filhas do Presidente dos Estados Unidos, está recenseada na Pensilvânia, onde frequenta a universidade, e em Nova Iorque, onde nasceu.

Tyffany, de 22 anos, é uma das filhas menos conhecidas de Trump, fruto do casamento com a sua segunda mulher, Maria Maples. De acordo com o The Independent, a jovem não terá cometido fraude, uma vez que apenas votou em Nova Iorque.

Esta não é a única pessoa muito próxima do Presidente dos EUA com recenseamento eleitoral em mais do que um estado. De acordo com o The Washington Post, Jared Kushner, genro de Trump e um dos seus principais conselheiros, está registado em Nova Jérsia e Nova Iorque. Também o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, está registado em dois estados, Virginia e Rhode Island.

No total, o jornal The Washington Post já identificou cinco familiares ou colaboradores próximo de Trump na Casa Branca que estavam registados em dois estados, nas eleições de novembro.

Além Tiffany Trump, Jared Kushner e Sean Spicer, somam-se Stephen K. Bannon, principal estratega do Presidente dos EUA na Casa Branca, e Steven Mnuchin, secretário de Estado do Tesouro.

A Casa Branca ainda não reagiu ao pedido do The Washington Post para comentar estas informações.

Trump afirmou esta semana, quando anunciou "uma grande investigação" à alegada fraude eleitoral, que o facto de muitos eleitores estarem registados em dois estados era um indício da existência de votação fraudulenta.

O Presidente alega que o escrutínio de milhões de eleitores é ilegal. Trump afirmou recentemente aos líderes do Congresso norte-americano que está convicto de que até cinco milhões de pessoas terão votado ilegalmente nas eleições presidenciais e gerais de 8 de novembro.

"Nas suas palavras, entre 3 e 5 milhões de pessoas poderão ter votado de forma ilegal, um dado que tem por base estudos a que tivemos acesso", declarou na terça-feira o porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, precisamente um dos colaboradores de Trump que estão registados em dois estados.

Até agora, não foi apresentada publicamente qualquer prova que sustente as suspeitas de fraude eleitoral.

  • Pinto da Costa internado após queda

    Desporto

    O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, sofreu uma queda e foi internado de urgência no Hospital de São João. O acidente já foi confirmado pelo clube em comunicado.

  • Bigode de Salvador Dalí está intacto, às "10 para as 10"

    Cultura

    O corpo do pintor surrealista catalão foi ontem exumado no Teatro-Museo de Figueres, por ordem de um tribunal de Madrid, para um exame de determinação de paternidade de Pilar Abel, que alega ser filha do artista. O pintor que morreu há 28 anos foi embalsamado e mumificado pelo que o corpo continua preservado e o famoso bigode levantado.

  • Mulher do primeiro-ministro japonês "é uma mulher fantástica mas não fala inglês"
    0:35

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos falou pela primeira vez sobre o segundo encontro que manteve com Vladimir Putin, durante a Cimeira do G20, em Hamburgo. Donald Trump explica que a conversa com o Presidente russo resultou de uma troca de lugares durante um jantar. Trump ficou ao lado da mulher do primeiro-ministro japonês, que não saberia falar inglês, e Melania estava sentada ao pé do Presidente da Rússia, Vladimir Putin.

  • "Octávio Machado foi a terceira escolha" para o cargo
    2:01
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • "Sempre me senti em casa em Portugal"
    1:11