sicnot

Perfil

Mundo

Apenas um dos dois detidos após ataque no Quebeque é considerado suspeito

Apenas um dos dois homens detidos na sequência do ataque terrorista de domingo a uma mesquita do Quebeque, Canadá, é "considerado suspeito", anunciou esta segunda-feira a polícia.

"A Polícia do Quebeque confirma que apenas um dos homens detidos por alegada ligação ao ataque é considerado suspeito", indicaram as autoridades.

Depois do inquérito, o segundo homem foi considerado "testemunha", acrescentaram as autoridades.

Segundo a imprensa local, o estudante de ciência política Alexandre Bissonnette será a pessoa considerada como suspeita e telefonou para a polícia para se entregar.

O estudante canadiano de origem marroquina, Mohamed Khadri, foi considerado "testemunha" e libertado, acrescentou a imprensa.

Seis pessoas morreram e 17 ficaram feridas, cinco com gravidade, quando pelo menos dois homens abriram fogo numa mesquita da cidade do Quebeque, um incidente qualificado pelo primeiro-ministro canadiano, Justin Trudeau, de "ataque terrorista".

Lusa

  • As mulheres na clandestinidade durante o Estado Novo
    7:32

    País

    Não se sabe quantas mulheres portuguesas viveram na clandestinidade durante o Estado Novo, mas estiveram sempre lado a lado com os homens que trabalhavam para o Partido Comunista na luta contra a ditadura. Aceitavam serem separadas dos filhos e mudarem de identidade várias vezes ao longo dos anos. A história de algumas destas mulheres estão agora reunidas num livro que acaba de ser lançado.