sicnot

Perfil

Mundo

Descoberto o antepassado mais antigo do ser humano

Uma reconstrução da espécie feita com base nos fósseis encontrados. Uma criatura que não teria mais que 1 milímetro de comprimento.

DR

Um grupo de cientistas chineses descobriu aquele que será o antecessor mais antigo da espécie humana, bem como um vasto conjunto de outras espécies.

Os cientistas revelam que os traços fossilizados, que estão "extraordinariamente bem conservados", pertencem a uma criatura que existiu há cerca de 540 milhões de anos.

O animal marinho microscópico passa assim a representar o marco mais antigo do processo evolucionário que se seguiu até aos peixes e, eventualmente, aos humanos.

Segundo os investigadores, o Saccorhytus, que tem cerca de 1 milímetro, é o exemplo mais primitivo de uma categoria de animais denominada "deuterostomes", que são antecessores comuns de várias espécies, incluindo animais vertebrados.

Mais detalhes desta descoberta podem ser lidos na revista Nature.

  • Manifestações contra os incêndios um pouco por todo o país
    1:33

    País

    Estão marcadas para esta tarde várias manifestações contra os incêndios e as políticas florestais, mas também de homenagem às vítimas dos fogos que arrasaram o país. As iniciativas de protesto são quase todas organizadas através das redes sociais e por grupos de cidadãos.

  • Ministra do Mar não aceita suspensão da pesca da sardinha
    2:39

    Economia

    O organismo científico que aconselha a Comissão Europeia em matéria de pescas recomendou esta sexta-feira que Portugal e Espanha não pesquem sardinha no próximo ano. A Ministra do Mar não aceita esta recomendação de capturas zero e vai propor uma redução do limite de capturas de sardinha das 17 mil toneladas deste ano para cerca de 14 mil em 2018.