sicnot

Perfil

Mundo

Lua está a receber oxigénio da Terra

A Lua e a Terra fotografadas a partir da Estação Espacial Internacional pelo coronel Chris Hadfield da Agência Espacial Canadiana / Reuters

© NASA NASA / Reuters

As plantas terrestres estão a enviar oxigénio para a Lua, revela uma sonda japonesa que detetou partículas de oxigénio no solo lunar. Isto não significa, no entanto, que a Lua venha a ter nos próximos tempos uma atmosfera respirável.

Quase todo o oxigénio que existe na atmosfera terrestre nos últimos 2,5 mil milhões de anos é produzido pela fotossíntese das plantas. Todos os dias, ao longo deste tempo, escapa da Terra um pouco desse "nosso" gás. Muito pouco, mas o suficiente para ter sido detetado na Lua.

Uma equipa liderada por Kentaro Terada da Universidade de Osaka analisou os dados enviados pela sonda japonesa Selenological and Engineering Explorer, ou Kaguya, da agência espacial japonesa JAXA. Os cientistas descobriram que um determinado isótopo de oxigénio estava presente no solo lunar, isótopo esse que só existe na Terra.

As rochas da Lua têm recebido pequenas quantidades de oxigénio dos seres vivos da Terra, revelam os cientistas no estudo publicado na revista Nature.

A figura mostra como os ventos solares transportam os isótopos de oxigénio da Terra para a Lua.

A figura mostra como os ventos solares transportam os isótopos de oxigénio da Terra para a Lua.

Osaka University/NASA

  • China planeia lançar nova sonda lunar em novembro

    Mundo

    A China planeia lançar, em finais de novembro, a sua nova sonda lunar, a Chang E-5, a primeira projetada para regressar à Terra, informou a Corporação de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (CASC), citada pela imprensa oficial. Esta missão, que será também a primeira a recolher amostras de forma automatizada, cumpre-se quatro anos depois do lançamento da última sonda lunar chinesa, que cessou operações em agosto passado.

  • "Putin é uma ameaça maior do que o Daesh"
    0:24

    Mundo

    O senador norte-americano John Mccain atacou Vladimir Putin dizendo que é uma ameaça maior do que o Daesh. O antigo candidato à Casa Branca acusa a Rússia de querer destruir a democracia ao tentar manipular o resultado das presidenciais dos Estados Unidos.

  • "Não podemos fazer de Lisboa uma cidade para turistas"
    2:44

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite da SIC, o mandato de Fernando Medina na Câmara de Lisboa. O comentador da SIC defendeu que o autarca tem "muitos problemas por resolver" e que a Câmara tem investido "mais na recuperação de zonas em que os lisboetas praticamente não conseguem ir". Sousa Tavares disse ainda que Lisboa não pode ser uma cidade para turistas.

    Miguel Sousa Tavares

  • "É muito importante ceder à tentação de se abolir a liberdade"
    1:06
  • Menos casos de sida em Portugal
    1:44