sicnot

Perfil

Mundo

Brasil integra lista de paraísos fiscais elaborada pela UE

© Ueslei Marcelino / Reuters

O Brasil figura numa lista de 92 países considerados paraísos fiscais elaborada e apresentada esta quarta-feira pela União Europeia (UE).

Segundo a agência France Presse (AFP), trata-se ainda de um levantamento intermédio, com a lista final a dever ser divulgada pela UE no segundo semestre deste ano.

Brasil é um dos países citados que adota políticas que favorecem a falta de transparência, mantém regimes fiscais preferenciais e não faz a tributação de impostos sobre os lucros das empresas.

Segundo fontes consultadas pela AFP em Bruxelas, a UE já teria enviado pedidos de esclarecimento sobre atividades consideradas de risco antes da publicação definitiva da lista.

As mesmas fontes disseram que os países com os quais as conversações da UE não forem bem-sucedidas poderão ser colocados em uma "lista comum de jurisdições não cooperantes em matéria fiscal", porém, possíveis sanções ainda não foram discutidas pelos 28.

Lusa

  • O que são paraísos fiscais
    1:08

    Panama Papers

    Os paraísos fiscais são países com uma malha legal permissiva o suficiente para acolher dinheiro de origem, muitas vezes, duvidosa. O processo não é ilegal. Mas, como comprovam vários escândalos, como o do Panama Papers, têm aberto a porta à lavagem de dinheiro, à fraude e à evasão fiscal.

  • Confirmados dois novos casos de legionella

    Legionella

    Dois novos casos de legionella foram esta quarta-feira confirmados. A informação foi avançada em comunicado pela Direção-Geral da Saúde. Tratam-se de duas pessoas com mais de 80 anos, internadas no Hospital São Francisco Xavier e no Egas Moniz, ambas em situação clínica estável.

  • Quem é o novo Presidente do Zimbabué?
    2:15

    Mundo

    Emmerson Mnangagwa é o sucessor de Robert Mugabe que regressou esta quarta-feira da África do Sul, onde estava refugiado. No primeiro discurso, o Presidente do Zimbabué falou de uma nova democracia no país. Mnangagwa, conhecido como crocodilo, é suspeito de atrocidades na guerra civil pós-independência. 

  • Diminuem as hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino
    3:09

    Mundo

    As hipóteses de salvar os tripulantes a bordo do submarino argentino, desaparecido há 8 dias, começaram a diminuir, uma vez que o chamado "tempo de segurança" já foi ultrapassado. A Marinha portuguesa está a acompanhar o caso do submarino que está desaparecido há oito dias. As hipóteses de salvar os tripulantes vão diminuindo.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • O que aprendemos com secas anteriores?
    32:50