sicnot

Perfil

Mundo

Baleia dá à costa norueguesa com 30 sacos de plástico no estômago

UNIVERSIDADE DE BERGEN

Cientistas noruegueses encontraram uma baleia que deu à costa com pelo menos 30 sacos de plástico dentro do estômago. Terje Lislevand, da Universidade de Bergen, explicou que a baleia estava visivelmente doente.

O animal pesava cerca de duas toneladas e teve que ser eutanasiado depois de os cientistas perceberem o quão doente estava.

"O intestino não tinha comida, apenas restos da cabeça de uma lula e uma fina camada de gordura". O motivo? não havia qualquer comida para digerir. Os sacos e resquícios de plástico impediam que o animal fizesse a digestão.

Os sacos encontrados no estômago da baleia.

Os sacos encontrados no estômago da baleia.

UNIVERSIDADE DE BERGEN

Lislevand diz que o lixo não degradável que a baleia ingeriu foi o principal motivo para que tivesse dado à costa várias vezes.

A carcaça da baleia vai ser preservada e mais tarde exposta na Universidade de Bergan.

Um estudo feito pelo Fórum Económico Mundial estimou que em 2050, em termos de peso, haverá nos oceanos mais plástico do que peixes. A ONU estima que todos os anos são despejados no mar cerca de oito milhões de toneladas de plástico, uma situação que está a colocar em risco a vida marinha.